Ligue-se a nós

Polícia

Ladrões de lotérica são presos em flagrante em Pontal do Paraná

Crime foi registrado no Balneário Grajaú. Criminosos jogaram dinheiro pela janela ao perceber aproximação da Polícia Militar

Publicado

no

PONTAL DO PARANÁ, PR
Agora Litoral

Uma equipe do serviço reservado da Polícia Militar, conhecidos por P-2, em patrulhamento pela PR 412 recebeu comunicado via central de rádio da corporação que houve um roubo em uma casa lotérica no Balneário Grajau em Pontal do Paraná.

As informações davam conta que quatro homens em um veículo Fiat Siena vermelho de placas DMY 1568 de São Paulo eram os ladrões e, estavam trafegando pela Rua Rio Grande do Sul, quando perceberam que os ocupantes do outro veículo eram policiais começaram a jogar dinheiro pelas janelas, momento em que os PM’s agiram e prenderam a quadrilha.

Com eles foram apreendidos R$ 890, mais uma bolsa sem violar o lacre com R$ 40 mil, pé de cabra, luvas, lanternas, certa quantidade de maconha e quatro celulares.

Presos e encaminhados para a delegacia da Polícia Civil de Ipanema Leandro Komorizomo de Oliveira e Edson Yutaka Tugumi ambos com 27 anos, Lucas Ferreira da Silva 23 e, Lucas Ferreira Dias, 22 anos. Agora estão à disposição da Justiça.

Veja as imagens:

Anúncio
Clique para comentar

Deixe um comentário!

Polícia

Taxista de Paranaguá é assaltado ao fazer corrida a São José dos Pinhais

Ele perdeu o dinheiro e ainda foi agredido

Publicado

no

Por

Local onde o taxista foi assaltado

Um taxista de Paranaguá foi assaltado, no início da manhã desta sexta-feira (15), após fazer uma corrida a São José dos Pinhais. Ele teve o dinheiro levado por três rapazes que havia apanhado próximo ao campo da Vila Cruzeiro por volta das 5h40.

Segundo o que relatou ao Agora Litoral, três rapazes – dois negros e um pardo – solicitaram a corrida até São José dos Pinhais e pagaram adiantado o valor do serviço, o que fez com que o motorista do táxi não desconfiasse de nada.

A viagem foi tranquila, com os passageiros e o taxista conversando normalmente. No entanto, ao chegar em São José dos Pinhais, por volta das 6h30, tudo mudou. O motorista teve um revólver encostado em sua cabeça e recebeu voz de assalto.

Os ladrões pegaram todo dinheiro que o taxista possuía, inclusive o que haviam dado para pagar a corrida, e saíram em direção a uma passarela, perto do local onde mandaram o motorista parar o carro.

Antes dos marginais irem embora, o rapaz ainda foi agredido com um soco no rosto.

O taxista contou que, segundo a Polícia Militar de São José dos Pinhais, próximo daquele local tem uma pequena favela, para onde provavelmente o trio de criminosos foi.

MUITO DINHEIRO

A vítima contou ter notado que os três rapazes estavam com muito dinheiro. Após o ocorrido, disse acreditar que eles possam ter praticado alguns crimes em Paranaguá antes de solicitarem a corrida até São José dos Pinhais.

O rapaz salientou ter procurado o Agora Litoral para tornar público o que havia passado, principalmente para alertar os demais colegas de profissão sobre os riscos que a categoria enfrenta diariamente.

ALÍVIO

É a primeira vez que o taxista, de 20 anos, é assaltado. Ele confessou ter ficado aliviado com o fato dos ladrões terem levado apenas o dinheiro. “Poderia ter acontecido algo pior”, afirmou.

Continuar Lendo

Polícia

Três são presos com arma, munições e dinheiro em Pontal do Paraná

Trio estava rondando uma agência bancária

Publicado

no

Por

Revólver, munições e dinheiro apreendidos

Na manhã desta quarta-feira (13), em Pontal do Paraná, policiais militares do 9º Batalhão fizeram a apreensão de um revólver, munições e dinheiro, após uma denúncia sobre alguns suspeitos próximos de uma agência bancária, no balneário Ipanema.

A informação dava conta que os indivíduos estavam em um automóvel com as mesmas características do que tinha sido usado por autores de um roubo ocorrido no dia anterior, quando um cliente foi assaltado ao sair do banco.

Tudo começou por volta das 11 horas, quando uma equipe de Rádio Patrulha da 2ª Companhia recebeu as informações. Segundo a denúncia, os suspeitos ocupavam um veículo GM/Monza, com final de placas 1414, que estava na rodovia PR-412.  Os policiais foram ao local e não localizaram o automóvel informado.

No entanto, durante as diligências, os militares desconfiaram de três homens em um GM/Cruze, de cor branca, os quais levantaram suspeita ao fecharem bruscamente os vidros do veículo quando viram a viatura e, na sequência, saíram rapidamente do local no sentido balneário Grajaú.

DESCOBERTA

De imediato os policiais militares abordaram o automóvel e realizaram buscas no veículo e nos ocupantes.

Dentro do carro, embaixo do banco traseiro, os PMs localizaram um revólver calibre 38, com seis munições intactas e numeração suprimida. No bolso de um dos abordados e, no porta-malas do automóvel, os militares encontraram estojos de munições deflagradas. Junto a um dos suspeitos, os policiais ainda apreenderam R$ 1.920.

O automóvel, com placas de Joinville (SC), a arma e as munições, bem como os suspeitos, foram encaminhados à delegacia de Pontal do Paraná, sendo Gilson Dalton Morais Tomaz, de 22 anos, que assumiu a propriedade do revólver, autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo e recolhido ao setor de carceragem. Já os outros dois suspeitos, de 37 e 28 anos, foram liberados após o pagamento de fiança.

Continuar Lendo

Polícia

Mulher que escondia drogas em balanço para crianças é presa em Matinhos

No final da tarde de segunda-feira no Perequê

Publicado

no

Por

Droga apreendida pela PM

No final da tarde de segunda-feira, 11, policiais militares da 2ª Companhia do 9º BPM prenderam uma mulher acusada de envolvimento com o tráfico de drogas no balneário Perequê, na cidade de Matinhos. A ação ocorreu após denúncia repassada pela comunidade.

De acordo com as informações, que foram repassadas anonimamente, uma mulher aparentando pouca idade, com cabelo curto, vestindo blusa de cor escura e calça jeans, estava vendendo drogas na Avenida do Canal, próximo à Escola Municipal Elias Abraão.

Ainda, a delação dava conta de que a traficante escondia os entorpecentes nas raízes de uma árvore, cuja principal característica era a de ter em si um balanço para crianças brincarem.

Os militares, munidos destas informações, se deslocaram rapidamente ao endereço e localizaram a suspeita parada próximo da árvore.

A mulher, de 27 anos de idade, natural de Curitiba e moradora de Matinhos, foi abordada e submetida à busca pessoal por uma policial feminina. Nada de ilícito foi encontrado com ela.

Contudo, após minuciosa averiguação junto às raízes da planta, os policiais acharam uma sacola plástica, enterrada, contendo vários tabletes de maconha embalados para a comercialização.

Diante da situação, a mulher recebeu voz de prisão e foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil de Matinhos, a fim de ser submetida às sanções da Justiça.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.