Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Polícia

Atrás das grades o autor de crime no parquinho em Paranaguá

NA NOITE DESTA SEXTA-FEIRA

Agora Litoral
A Polícia Civil de Paranaguá prendeu, no início da noite desta sexta-feira (16), Leandro Julião Alves, de 28 anos, autor do homicídio ocorrido na noite do último dia 10, no parque infantil da Praça dos Leões, em Paranaguá. A vítima foi Gabriel de Souza Alves, de 24 anos, que foi esfaqueado após uma discussão que acabou em briga com o autor.

De acordo com informações da Polícia Civil após a coleta dos elementos necessários à elucidação do homicídio, como a oitiva de testemunhas e coleta de imagens, o delegado responsável pelo inquérito representou pela prisão preventiva de Leandro. Com a expedição do mandado pela 1ª Vara Criminal de Paranaguá, foi dado o cumprimento à ordem judicial.

Com isso, Leandro Julião Alves encontra-se preso na Cadeia Pública de Paranaguá, à disposição do Poder Judiciário.

CRIME
Gabriel, que residia na Ilha dos Valadares, foi esfaqueado em uma briga no parque infantil que foi inaugurado recentemente pela prefeitura de Paranaguá, na Praça dos Leões, no centro da cidade.

Na ocasião, o rapaz foi socorrido pelo Samu e levado ao Hospital Regional do Litoral, mas não resistiu aos ferimentos. Leandro fugiu após a agressão e, na segunda-feira (12), se apresentou na 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá, alegando que agiu em legítima defesa.

A briga que resultou na morte de Gabriel foi filmada com um celular por uma testemunha e as imagens divulgadas nas redes sociais.

MATÉRIA RELACIONADA

Autor de crime do parquinho se apresenta na DP e alega legítima defesa

Etiquetas

Artigos relacionados

2 Comentários

  1. E que fique por longos anos… chega de impunidade nesse país … acorda judiciário … acorda congresso… acorda presidente !!!!🤫🤫🤫🤫

  2. Demorou pra ser preso esse vagabundo, pilantra e covarde faltou a sem vergonha da mulher dele ir junto com ele, devia ter sido preso quando ele se apresentou pq quer prova maior do que o vídeo dele esfaqueando o rapaz, e tomara q morra lá dentro, mas como já se é de costume nesse nosso país ele só vai ficar preso até o povo esquecer e o caso ser abafado, se fosse comigo queria ver ele me tirar do escorregador pq até onde eu sei o espaço é público, esse.guardinha de merda, tomara q morra na cadeia de uma rebelião e ele seja o primeiro a ir pro saco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios