Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Notícias

Mais um foragido da Justiça é perseguido e preso pela PM em Paranaguá

Everton Ernani Rocha foi preso no Valadares

Agora Litoral
Na tarde de segunda-feira (10), em Paranaguá, policiais militares do 9.º Batalhão prenderam Everton Ernani Rocha, de 29 anos. Contra ele havia um mandado de prisão por furto qualificado, expedido pela Vara de Execução em Meio Fechado e Semiaberto de Paranaguá.

De acordo com o relatório policial, por volta das 14h30, policiais militares da Rocam (Ronda Ostensiva Com o Apoio de Motocicletas), efetuavam patrulhamento pela Rua 6 da Vila Itiberê, na Ilha dos Valadares, quando avistaram Ernani sentado num local conhecido como ponto de comercialização de entorpecente.

Ao perceber que seria abordado, o rapaz fugiu, vindo a escalar diversos muros de residências, mas foi perseguido e acabou entrando num manguezal para tentar escapar da abordagem. Não deu certo. Acabou alcançado pela equipe policial a uma distância de 100 metros do local onde tinha sido iniciado o acompanhamento.

Após ser alcançado, Ernani tentou fugir novamente, porém não conseguiu. Ao ser questionado sobre a fuga, o rapaz alegou que estaria fazendo uso de substância entorpecente e que ficou receoso ao ver os policiais. Ele ainda tentou se passar por um dos seus irmãos, o qual que possuí deficiência mental, mas não conseguiu enganar os policiais.

Desconfiados da identidade fornecida pelo abordado, os policiais entraram em contato com o Serviço Reservado da PM e foi enviada uma foto do suspeito, sendo então confirmado o seu verdadeiro nome e verificado o mandado de prisão em seu desfavor, com validade até agosto de 2019.

Ernani ainda investiu contra os policiais com socos e chutes, e proferiu ofensas e ameaças, mas não teve jeito. Ele acabou dominado e foi conduzido à 1.ª Subdivisão Policial de Paranaguá, para o devido cumprimento da ordem de prisão.

Prisão foi efetuada por uma equipe da Rocam
Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar