‘Sussurrofone’ auxilia os estudantes a ouvirem melhor a pronúncia das palavras.

G1 Paraná
Professores de uma escola municipal de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, utilizam em sala de aula um objeto montado de forma caseira que incentiva os alunos à leitura e melhora o desempenho das crianças na escrita: o “sussurrofone”.

O objeto, que parece um telefone, é feito com canos de PVC e foi criado pela professora Adélia Muniz, do Piauí. A diretora da escola paranaense conta que conheceu a proposta e decidiu testar também.

“Não saiu nem R$ 3 cada sussurrofone. Um investimento pequeno e muito interessante”, afirma a diretora da escola de Ponta Grossa, Regina de Fátima Neumann.

O objeto, que parece um telefone, foi criado pela professora Adélia Muniz, do Piauí.

‘Sussurrofone’
O aparelho funciona da seguinte forma: o som da voz do aluno, que passa pelo cano, chega com força até o ouvido. Ao falar e ouvir as palavras com precisão, a criança se concentra no que está dizendo e as chances de errar a escrita diminuem.

Game da leitura
Para alunos do terceiro ano de outra escola de Ponta Grossa, a leitura é ainda estimulada em uma espécie de jogo. Os estudantes começam com palavras mais simples e precisam “passar de fase” para chegar aos textos mais complexos.

“Eles estão indo muito bem. A maioria está lendo com fluência, e eles despertaram para a leitura muito cedo”, ressalta a professora Célia Lima.

>> Deixe sua opinião