Ligue-se a nós

Guaratuba

Polícia Civil em Guaratuba na 2ª fase da operação “Pane seca”

Alvos teriam envolvimento com a fraude em abastecimento de combustível

Publicado

no

Policiais estão nas ruas desde às 6 horas da manhã desta quarta-feira. Foto: Polícia Civil

Paranaguá, PR
Agora Litoral

Mais de 50 policiais civis da Delegacia de Crimes contra a Economia e Proteção ao Consumidor (Delcon) e do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), unidade de elite da Polícia Civil do Paraná, estão nas ruas desde as 6h da madrugada desta quarta-feira (29) para cumprir 14 mandados judiciais no âmbito da segunda etapa da operação “Pane Seca”.

A ação acontece em Curitiba, na Região Metropolitana e na cidade de Guaratuba, no Litoral do Paraná. São dois mandados de prisão temporária, oito de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva – quando a pessoa é levada até a delegacia para prestar depoimento.

Os alvos são suspeitos de envolvimento direta ou indiretamente com a fraude em abastecimento de combustível descoberto na primeira etapa da “Pane Seca” – operação deflagrada no fim de semana passado pelo Departamento de Inteligência do Estado do Paraná (Diep) quando seis pessoas foram detidas. Duas pessoas se apresentaram à polícia na noite de segunda-feira (27) e outras duas estão foragidas.

A fraude consistia na instalação de dispositivos nas bombas, os quais são responsáveis por interromper o fluxo de combustível efetivamente expelido pelas bombas, sem que haja interrupção na medição da quantidade de litros a ser paga pelo consumidor.

Assim, a quantia de combustível de fato inserido nos tanques dos veículos de consumidores seria inferior (de 6% a 8%) ao registrado nas bombas, fazendo com que os clientes paguem valores a maior em cada abastecimento. Estes dispositivos, segundo a investigação, poderiam ser ativados remotamente – o que dificultaria a atuação dos órgãos fiscalizadores.

Deixe seu comentário!

Guaratuba

Festa do Divino é cancelada por causa do coronavírus

Evento seria realizado entre os dias 10 e 19 de julho.

Publicado

no

Por

Foto: Arquivo

A Festa do Divino, tradicional festa com programação religiosa, shows, binguinhos, almoços, jantares, barracas de comida e artesanato, foi cancelada por causa da pandemia do novo coronavírus. Ela seria realizada entre os dias 10 e 19 de julho, em Guaratuba, no litoral do Paraná.

A Paróquia Nossa Senhora do Bom Sucesso, responsável pela organização do evento, anunciou na segunda-feira (4) o cancelamento.

De acordo com a nota oficial, não existe possibilidade de realizar a festa neste ano.

Nota publicada no Facebook

A Festa do Divino leva para Guaratuba centenas de pessoas de todo o estado em pleno inverno. O evento reúne música, produtos e culinária típica do litoral.

Continuar Lendo

Guaratuba

Traficante é pego pela PM com pedras de crack escondidas na boca

Homem de 56 anos foi preso no bairro Piçarras

Publicado

no

Por

A Polícia Militar prendeu um homem de 56 anos que transportava pedras de crack em uma embalagem e uma porção da droga escondida na boca.

A detenção aconteceu na tarde de quinta-feira (2), no bairro Piçarras, em Guaratuba, no Litoral do Paraná.

O suspeito foi abordado por uma equipe da ROTAM (Ronda Ostensiva Tático Móvel)  em patrulhamento na avenida Patriarca, bairro Piçarras.

Ao perceber a aproximação do carro da polícia, o homem tentou se desvencilhar de uma embalagem onde guardava 60 pedras de crack.

Também foram encontradas mais oito pedras da droga, que ele escondia na boca. e R$ 380 em dinheiro trocado.
O suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado ao plantão da 8ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Guaratuba, juntamente com as drogas e o dinheiro apreendidos.

Continuar Lendo

Guaratuba

Rotam prende rapaz que vendia drogas pelo WhatsApp

Ele disse que fazia cerca de 10 entregas por dia

Publicado

no

Por

Material apreendido pela PM

Após uma abordagem na noite de sexta-feira (13), no bairro Piçarras, em Guaratuba, uma equipe da Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) apreendeu 440 gramas de maconha, 43 pontos de LSD, além de dois celulares e uma balança de precisão utilizada para pesar a droga.

Indagado, o abordado, um rapaz de 19 anos, relatou que faria a entrega para um terceiro. Relatou ainda que faz aproximadamente 10 entregas por dia, utilizando um aplicativo de celular para negociação e ajuste do local de entrega.

Diante dos fatos, o jovem, juntamente da droga e objetos apreendidos, foi encaminhado para a Polícia Civil de Guaratuba para ser colocado à disposição da Justiça.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.