Ligue-se a nós

Polícia

Preso suspeito de matar empresário no último domingo em Matinhos

Ele foi identificado pela vítima que sobreviveu ao ataque

Publicado

no

Um homem de 34 anos, cuja identidade não foi revelada, mas que o primeiro nome seria Thiago, foi preso pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (16), suspeito de matar o empresário Maruan Uthman Majid no último domingo (13) em Matinhos, no Litoral do Paraná.

A prisão dele, que trabalhava há anos para a família do empresário, ocorreu após ser identificado pela namorada de Maruan, que sobreviveu ao ataque. Assim que foi identificado, o caseiro foi preso pela Polícia Civil.

Maruan e a namorada, que reside em Paranaguá e também levou um tiro, estavam chegando na residência de praia do empresário, no balneário Perequê, quando foram surpreendidos pelo suspeito.

O homem atirou três vezes contra Majid e também acertou a mulher, além de roubar alguns objetos do local. A namorada conseguiu se trancar no banheiro e chamar a Polícia Militar.

A delegada Sâmia Coser, titular da delegacia de Matinhos, disse que, desde o crime, a Polícia Civil vinha ouvindo testemunhas e realizando diligencias, o que possibilitou delinear uma linha de investigação.

“A vítima confirmou quem era o autor dos disparos. A partir daí pedimos busca e apreensão e a prisão temporária do suspeito, que já havia fugido. Informado de sua situação, ele resolveu se apresentar, junto com um advogado, mas negou o crime. No entanto, mais de uma testemunha afirma que viu o suspeito deixando o local do crime”, disse a delegada.

A Polícia Civil ainda investiga o caso para identificar possíveis coautores e encontrar os objetos roubados.

Com informações da Tribuna do Paraná

NOTÍCIA RELACIONADA

Empresário de Curitiba é morto em Matinhos

Clique para comentar

Deixe seu comentário!

Polícia

Operação da PM prende homem por porte ilegal de arma de fogo em Matinhos

Pistola 380 estava no porta-luvas do carro abordado

Publicado

no

Por

Pistola estava municiada

Em Matinhos, no final da noite de domingo (25), policiais militares de Rádio Patrulha da 2ª Companhia do 9º BPM prenderam um homem por porte ilegal de arma de fogo. A ação ocorreu durante uma Operação Bloqueio na Avenida Curitiba, no Bom Retiro.

Conforme o boletim de ocorrência, durante a atividade os militares abordaram um automóvel Ford Fusion ocupado por um casal. Na busca veicular, os policiais localizaram uma pistola da marca Taurus, modelo 938, calibre 380, contendo 18 munições intactas. A arma estava no porta-luvas do carro.

Indagado, o motorista disse que é atirador desportivo. Ele chegou a apresentar um certificado de registro. Porém, o registro da arma estava no nome de outra pessoa que, segundo o abordado, foi quem lhe doou a pistola.

Diante da situação irregular, o homem de 35 anos foi detido e conduzido, junto com a pistola, até o plantão da Delegacia Cidadã de Matinhos para serem tomadas as devidas providências.

Continuar Lendo

Polícia

PCPR divulga foto de foragidos responsáveis por crimes contra crianças e adolescentes

Os casos ocorreram em Curitiba

Publicado

no

Por

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) divulgou a foto de uma mulher e dois homens foragidos da justiça por cometerem crimes contra crianças e adolescentes. Os casos ocorreram em Curitiba.

A mulher, Silvineia Venancio de Alcantara, de 49 anos, é responsável por torturar os menores de idade. Durante o crime, a suspeita jogava álcool no corpo das crianças e ameaçava atear fogo contra elas.Já os outros dois homens, Altair José Belarmino, de 55 anos, e Robson Aparecido Morais Barbosa, de 44, são responsáveis por estupros contra crianças e adolescentes.Em ambos os casos, os indivíduos cometiam o crime e ameaçavam que iriam matar os familiares das vítimas caso elas contassem algo ou não cometessem o ato.A PCPR solicita a colaboração da população com informações que auxiliem na localização dos procurados. A denúncia pode ser feita de forma anônima pelos telefones 197 da PCPR, 181 Disque Denúncia, ou (41) 3270-3370, diretamente à equipe de investigação.

Da PCPR
Continuar Lendo

Polícia

Homem mata a ex na frente dos quatro filhos em Antonina

Feminicídio ocorreu na madrugada desta segunda-feira.

Publicado

no

Por

José Carlos matou Andreia

José Carlos Cezar dos Santos, de 42 anos, está sendo procurado em Antonina por ter assassinado, com um tiro na cabeça, a sua ex-mulher, Andreia Gomes de Freitas, de 29 anos, no final da noite de domingo (25). O feminicídio teria acontecido na frente dos quatro filhos do casal.

Andreia estava separada de José Carlos há dois meses. Porém, o ex-companheiro invadiu a casa dela, no Km 9 da estrada que liga a Guaraqueçaba, localidade de Lageado, onde a jovem estava na companhia dos quatro filhos e do atual namorado.

Armado, José Carlos deu um tiro fatal em Andreia. Ela foi atingida quando tentava se esconder em um cômodo da residência. O namorado, ao ver José Carlos armado, fugiu por uma janela da moradia.

Os quatro filhos de Andreia – de 11, 8, 7 e 3 anos – testemunharam José Carlos assassinar a mãe. O autor do feminicídio fugiu em seguida, de moto, e até agora não foi encontrado.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.