Ligue-se a nós

Polícia

Morre vítima de agressão com pedradas em Morretes; autor foi preso

CRIME FOI NESTE DOMINGO

Publicado

no

Agora Litoral
Um homem foi brutalmente espancado com golpes de pedra, na madrugada deste domingo, 21, na cidade de Morretes.

Carlos Cesar da Silva, de 36 anos, chegou a ser socorrido e encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O autor da agressão foi preso pela Polícia Militar no início da tarde num ônibus que vinha pra Paranaguá.

Rodrigo Nascimento, de 29 anos foi encaminhado à delegacia de polícia de Morretes, onde acabou autuado em flagrante por homicídio simples, ficando recolhido no setor de carceragem local à disposição da Justiça.

De acordo com a ocorrência, por volta das 2 horas, a Polícia Militar de Morretes recebeu uma ligação anônima, relatando que na parte interna de uma estação de tratamento da Sanepar, na Vila Santo Antônio, alguns indivíduos masculinos estariam em luta corporal. De imediato uma equipe policial foi ao local, onde Carlos foi encontrado caído ferido, embaixo de uma cobertura, apresentando grande sangramento e ferimentos profundos por toda a região do crânio.

Testemunha
O SAMU foi acionado e encaminhou a vítima para o hospital local. Na averiguação, os militares encontraram uma testemunha do crime, a qual relatou que estava com Carlos no centro da cidade, no período da tarde de sábado, acompanhado de Rodrigo e que os dois teriam se desentendido. Após, cada um teria tomado rumo diferente.

A testemunha informou que no período da noite foi junto com Carlos para dormir na cobertura da estação da Sanepar. Pouco depois chegou Rodrigo, que desferiu vários golpes com uma pedra na cabeça de Carlos. O amigo da vítima contou que tentou impedir a agressão e também foi atingido por uma pedrada na costela. Ele teria sido ameaçado por Rodrigo, que fugiu em seguida.

Durante a procura pelo autor da violência, os policiais foram informados que Carlos não resistiu, entrando em óbito no Hospital Regional em Paranaguá por volta das 8h30 para onde havia sido transferido.

Prisão do autor
Os policiais continuaram as diligências até que, por volta das 12h40, foram informados que Rodrigo teria entrado em um ônibus da Viação Graciosa sentido Paranaguá. Em seguida, os PMs abordaram o coletivo e localizaram o suspeito, sentado nos fundos do veículo, com uma sacola cheia de roupas.

Ao ser preso, Rodrigo informou que estava indo para a cidade de Paranaguá, onde tem alguns parentes e pretendia ficar escondido devido aos acontecimentos. Rodrigo Nascimento acabou levado à delegacia junto com as pedras que ele usou na agressão contra Carlos, e que ficaram com as marcas de sangue da vítima.

Levantamento do Agora Litoral indica que Rodrigo já tinha passagens pela polícia por perturbação do sossego e furto.

Rodrigo Nascimento (Arquivo AL)

Anúncio
Clique para comentar

Deixe um comentário!

Polícia

Recebe alta do Regional homem que foi baleado na rua em Paranaguá

Ele foi atingido por três tiros na quarta-feira (11)

Publicado

no

Por

Vítima foi baleada no Jardim Santa Rosa

Recebeu alta do Hospital Regional do Litoral, nesta sexta-feira (13), o homem que foi alvejado a tiros, na tarde de quarta-feira (11), na Rua Alípio dos Santos, Jardim Santa Rosa, em Paranaguá. A vítima foi identificada como Wanderlei da Cruz Rosa, de 45 anos, com endereço no bairro Raia.

A tentativa de homicídio foi atendida por policiais militares do 9º Batalhão por volta das 16h30. Quando chegaram ao local, os PMs encontraram Wanderlei ferido por três disparos de arma de fogo – nas costas, braço e pescoço.

O homem estava consciente e informou o apelido do autor do atentado, sem relatar qual teria sido a motivação. Os policiais realizaram patrulhamento pela região, mas o suspeito não foi localizado.

Socorrido pelo Samu, Wanderlei foi levado à unidade de saúde, onde permaneceu internado até esta sexta-feira (13). A Polícia Civil investiga a tentativa de homicídio contra ele. Wanderlei tem histórico criminal.

Continuar Lendo

Polícia

Homem com mandado de prisão é capturado pela PM em Pontal

Ele mora em Matinhos, mas foi preso em Praia de Leste

Publicado

no

Por

Ele demonstrava estar embriagado

Na noite de segunda-feira (9), um homem procurado pela Justiça foi capturado pela Polícia Militar, durante uma abordagem no balneário Praia de Leste, no município de Pontal do Paraná.

Conforme o relatório policial, uma equipe de Rádio Patrulha estava em deslocamento pela região quando avistou um indivíduo, aparentemente embriagado, que apresentou muito nervosismo ao perceber a presença dos militares.

Diante do fato, a equipe procedeu a abordagem, vindo a constatar que o suspeito, de 43 anos, com endereço na cidade de Matinhos, possuía um mandado de prisão em seu desfavor emitido pelo Poder Judiciário da cidade de Guaratuba.

Diante da situação, o homem foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Pontal do Paraná para que fosse efetivada sua prisão.

Continuar Lendo

Polícia

Dois são presos após tentativa de assalto a jovens no Centro de Paranaguá

Prisão foi na madrugada desta quinta-feira

Publicado

no

Por

Equipe da Romu agiu rápido e pegou marginais

Dois homens foram presos pela Guarda Civil Municipal, no início da madrugada desta quinta-feira (12), por uma tentativa de roubo na área central de Paranaguá. As vítimas, uma moça de 20 anos e dois amigos da mesma faixa etária, foram abordadas pelos assaltantes nas imediações do edifício Palácio do Café.

Uma equipe da Romu (Ronda Ostensiva Municipal), que estava em patrulhamento pela região, ao chegar à Rua Arthur Bernardes, por volta da meia noite, foi abordada pelas vítimas. Elas estavam bastante assustadas, pedindo por socorro. Os três jovens contaram que tinham acabado de receber voz de assalto de dois indivíduos.

Imediatamente os agentes foram atrás dos suspeitos e, com o apoio de uma equipe de Rádio Patrulha, abordaram Jonatan Alves dos Santos, de 22 anos, e Ruan Henrique Amorim da Costa, 26.

Os dois acabaram reconhecidos pelas vítimas, as quais informaram que Ruan se aproximou gritando “perdeu, perdeu”, fazendo gestos de que estava armado, enquanto Jonatan dava cobertura.

As vítimas contaram que, assim que foram abordadas, saíram correndo e, logo em seguida, avistaram a viatura da Romu.
Ruan e Jonatan acabaram encaminhados para o plantão da 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá, onde foram autuados pelo crime de tentativa de roubo e, em seguida, recolhidos ao setor de carceragem da Cadeia Pública, à disposição da Justiça.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.