Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Paraná

ALERTA: Aumentam casos e mortes por dengue no Paraná

ESTADO SOMA MAIS TRÊS ÓBITOS

Agora Litoral
O número de mortes causadas pela dengue aumentou para 16 no Paraná. São três novos óbitos nesta semana, registrados no boletim epidemiológico divulgado nesta terça-feira (28) pela Secretaria da Saúde do Paraná.

Os casos confirmados da doença chegam a 9.976. São 1.818 a mais que na semana anterior, que havia apresentado 8.158 casos. A grande maioria é de casos autóctones – mais de 9 mil casos aconteceram nas cidades de origem das pessoas infectadas.

Os três casos de morte pela doença confirmados nesta semana foram registrados em Foz do Iguaçu (uma mulher de 69 anos, com quadro de cardiopatia e asma); em Ibiporã (uma mulher de 54 anos portadora de hipertensão); e em Loanda (um idoso de 83 anos, sem doenças crônicas).

Os óbitos anteriores aconteceram em Cascavel, Maringá e Londrina. O Paraná soma 60.393 notificações para a dengue: 44 municípios estão em epidemia e 40 em alerta. O informe ainda confirma mais dois novos casos de chikungunya, um em Maringá e outro em Cambira. Agora, o Paraná tem quatro casos confirmados da doença, que também é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

ORIENTAÇÃO – A Secretaria da Saúde alerta para que a população siga as recomendações de manter os quintais limpos e eliminar os focos com água parada. “O mosquito transmissor se instala em locais que acumulam lixo e água. Nossa orientação é que a população colabore com esta limpeza, só assim poderemos acabar com a dengue, zika e chikunguya”, alerta Ivana Belmonte, da Divisão de Vigilância Ambiental da SESA.

A Secretaria da Saúde informa que segue apoiando os municípios nas ações de rotina visando diminuir a transmissão de casos.

Da AEN

MATÉRIA RELACIONADA

Epidemia de dengue alcança mais cinco cidades do Paraná

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios