Ligue-se a nós

Notícias

Vacinação contra a dengue está bem abaixo do esperado em Paranaguá

CAMPANHA FOI INICIADA EM 20 DE MARÇO E SEGUE ATÉ 28 DESTE MÊS

Publicado

no

Agora Litoral
A procura pela vacina contra a dengue está sendo baixa nas unidades de saúde de Paranaguá. A campanha, iniciada em 20 de março, segue até 28 de abril. Várias estratégias estão sendo tomadas para conseguir aumentar o índice de imunização, que até agora está em 9%.

Do total de 20.144 pessoas com idade entre 9 e 44 anos, 11 meses e 29 dias aptas a serem vacinadas somente 1.866 tomaram a segunda e terceira doses, conforme levantamento do Departamento de Epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde e Prevenção (Semsap).

A estratégia para divulgação da campanha de vacinação está sendo colocada em prática numa parceria entre as secretarias municipais de Saúde e Comunicação. Além de inserções de matérias jornalísticas sobre o assunto no site da Prefeitura de Paranaguá e nas redes sociais oficiais, também há a atuação de equipes volantes em alguns pontos da cidade para aplicação das doses.

Equipes da 1.ª Regional de Saúde também dão o suporte para realizar vacinação em locais específicos, sobretudo os que tenham bastante circulação de pessoas. São supermercados, lojas, praças, empresas, escolas, faculdades e universidades.

REFORÇO COM BOM HUMOR
Entre as estratégias para melhorar os índices de vacinação da população de Paranaguá está a atuação da personagem Tia Nice, interpretada pelo ator parnanguara Jhonatan Henrique.

O auxílio na divulgação se dará de maneira voluntária e vai incluir transmissões ao vivo pelo Facebook e também uma ação no Aeroparque, no próximo domingo (15), no período da tarde. Detalhes estão sendo discutidos com o artista e com sua empresária e serão divulgados em breve.

Com informações da PMP

Deixe seu comentário!

Notícias

Prefeito de Morretes tem bens bloqueados por suspeita de fraude

Marajá, um ex-servidor da Prefeitura e três empresas teriam causado dano aos cofres públicos em mais de R$ 200 mil.

Publicado

no

Por

Osmair Costa Coelho (Marajá)

A Vara da Fazenda Pública de Morretes, no Litoral do estado, determinou o bloqueio de bens do prefeito Osmair Costa Coelho, o “Marajá”, após investigação do Ministério Público do Paraná que apontou suspeita de fraude em licitação conduzida pela Administração.

A decisão, expedida em caráter liminar, atende pedido feito em ação civil pública ajuizada pela Promotoria de Justiça de Morretes.

O montante total bloqueado, que também atinge um outro servidor público e três pessoas jurídicas, é de R$ 213.080,00.

Apuração da Promotoria de Justiça demonstrou que a Prefeitura contratou, de forma direta, por dispensa de licitação, as empresas Conthabil Planejamento Financeiro e Contabilidade Demarch Ltda, Hanter de Morais e Cia Ltda e P. M. Consig Ltda – ME.

Essas empresas, segundo o MP, eram administradas, informalmente, por Cláudio Tavares Tesseroli, servidor público também citado na ação (que ocupou o cargo de chefe do Departamento de Apoio Administrativo do Governo de maio a outubro de 2017).

Na ação, o MPPR aponta que os fatos ocorreram de janeiro a setembro de 2017, período em que foram realizados pagamentos de empenhos de forma periódica.

Com a ação, a Promotoria de Justiça busca a reparação dos danos causados ao erário e a condenação dos responsáveis pela prática de atos de improbidade administrativa, que resultaram em enriquecimento ilícito.

PERDA DA FUNÇÃO PÚBLICA
Se condenado, quando da análise do mérito da proposição, o prefeito Marajá poderá responder pelas sanções previstas na legislação, dentre elas a perda da função pública, a suspensão dos direitos políticos e o pagamento de multa civil.

A ação foi ajuizada com base nos termos da Lei de Improbidade Administrativa e da Lei Anticorrupção (Lei 12.846/2013).

O Agora Litoral tentou ouvir os envolvidos, mas eles não foram localizados.

Continuar Lendo

Notícias

Mulher reclama que Eduardo Costa só atende fãs “gostosonas”

Desabafo foi durante o show do cantor em Guaratuba

Publicado

no

Por

Vídeo viralizou nas redes sociais

Durante um show em Guaratuba, na última sexta-feira (24), uma fã do cantor Eduardo Costa usou suas redes sociais para fazer uma reclamação um tanto inusitada e polêmica.

Em um vídeo que ela mesmo produziu e postou nas suas redes sociais, a fã relatou que passou horas e horas na fila para conseguir tirar uma única foto com o astro sertanejo e não conseguiu, saindo muito frustrada do show.

Ela afirmou que existe por parte dos seguranças, provavelmente por orientação do cantor, uma seleção das pessoas que irão adentrar nos bastidores do show e conseguir a tão sonhada foto.

“As mulheres gostosonas, com peitões e bundões, são as primeiras a serem atendidas. E nós, fãs aqui de verdade, estamos desde as quatro horas da tarde”, disse a fã.

Ao término do show de Eduardo Costa, a fã gravou um novo vídeo, onde aparecia chorando e continuou o desabafo.

Revelou que não tinha sido atendida e ainda afirmou que era o terceiro e último show do cantor sertanejo que ela iria, e que Eduardo Costa não estava nem um pouco preocupado com os seus verdadeiros fãs.

Os vídeos de desabafo da fã paranaense viralizaram pelas redes sociais. Veja:

CANTOR RESPONDEU COMENTÁRIO NO INSTAGRAM

Continuar Lendo

Notícias

Inaugurada a Unidade Avançada do Hospital Erasto Gaertner em Paranaguá

Pacientes com câncer poderão realizar procedimentos na cidade

Publicado

no

Por

Cerimônia foi marcada pela emoção

Agora é oficial. Pacientes em tratamento contra o câncer têm uma opção em Paranaguá para realizar quimioterapia, curativos, consultas médicas, acompanhamento e alguns procedimentos.

Foi inaugurada na manhã de segunda-feira (27) a Unidade Avançada de Serviço Oncológico do Hospital Erasto Gaertner, localizada na rua João Eugênio, na região central da cidade.O prédio recebeu o nome de Marcos Vinícius dos Santos Costa, jovem parnanguara que lutou contra a leucemia e faleceu recentemente. Familiares dele acompanharam a solenidade.

Várias autoridades testemunharam o momento histórico para a saúde de Paranaguá: o prefeito Marcelo Roque; a primeira-dama, Amanda Roque; o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto; o senador Flávio Arns; o presidente do Tribunal de Contas do Paraná, Nestor Baptista; os deputados estaduais Alexandre Cury e Michele Caputo; prefeitos do litoral, vereadores, membros do hospital, além de lideranças comunitárias e sindicais, servidores municipais e populares. Também estavam presentes o bispo diocesano de Paranaguá, Dom Edmar Peron, e o pastor Reginaldo, da Assembléia de Deus.

SATISFEITO
“É um dia histórico para Paranaguá. Se nossa administração terminasse hoje estaria satisfeito com o trabalho que fizemos em prol de nossa população. Esta unidade vai mudar a vida de muitas pessoas que estão na luta contra o câncer e seus familiares”, declarou o prefeito Marcelo Roque, bastante emocionado com a conquista. “Quem já teve o caso de um parente com essa doença sabe como é sofrido fazer o tratamento em Curitiba”, completou o prefeito. Ao lembrar do irmão Márcio Ubirajara Elias Roque, que faleceu vítima de câncer aos 18 anos, Marcelo não conteve as lágrimas.

PARCERIA
O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, destacou que a Prefeitura de Paranaguá “foi muito capaz em conseguir realizar o projeto para que o Hospital Erasto Gaertner possa entrar e fazer seu trabalho”. Ele garantiu que o Governo do Estado será parceiro liberando recursos para funcionamento da unidade. “A partir do início dos trabalhos vamos estar presentes também, fomentando, induzindo, incentivando para que o trabalho possa acontecer. Temos um programa estadual de combate ao câncer, com atendimento de oncologia, e obviamente que Paranaguá vai entrar neste programa”, explicou o secretário.

CONFORTO
O superintendente do Hospital Erasto Gaertner, Adriano Lago, afirmou que o projeto descentralizará o atendimento e que Paranaguá oferecerá ao paciente o máximo de conforto, ao lado de seus familiares e perto de casa.

“Combater o câncer com humanismo, ciência e afeto é a nossa missão. Erasto mais perto de você é o nosso projeto. Por isso que a gente deseja que o paciente se sinta o mais confortável possível e que, ao final do tratamento, a gente tenha melhores resultados em saúde, com melhor adesão”, declarou o dirigente, que informou que o atendimento aos pacientes deve iniciar na segunda semana de fevereiro.

CONQUISTA
O senador Flávio Arns avalia como positiva a parceria da Prefeitura de Paranaguá com o Hospital Erasto Gaertner. Destacou que são investimentos importantes para diminuir a dor das pessoas que lutam contra o câncer. “É muito importante porque ter uma unidade é excelente, evita o deslocamento (a Curitiba e municípios da região metropolitana), dá mais tranquilidade ao paciente. Paranaguá está de parabéns por essa conquista”, declarou o senador.
PRIMEIROS PASSOS
O deputado estadual Michele Caputo fez histórico da iniciativa que hoje resulta na inauguração. Lembrou que em 2017, quando estava respondendo pela Secretaria de Estado da Saúde, recebeu o prefeito Marcelo Roque e sua equipe em seu gabinete para discutir os primeiros passos que deveriam ser tomados para que o projeto vingasse.

“Estamos muito felizes em ter feito parte dessa história de sucesso, que culmina com a entrega desta unidade hoje. Representa um feito enorme para a saúde de Paranaguá”, completou.

COMODIDADE
Para o presidente da Câmara Municipal, Waldir Leite, a unidade avançada é mais um equipamento importante para as pessoas que fazem o tratamento de câncer em Curitiba.

“Será muito mais cômodo e confortável. É isso que desejamos para todas as pessoas que têm câncer, que tenham o melhor tratamento e possam se curar”, afirmou o presidente da Câmara Municipal, salientando que a entidade foi parceira da Prefeitura do projeto da unidade avançada, com voto favorável de todos os 19 vereadores.

GRATIDÃO
Em um discurso que emocionou a todos, a secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro, agradeceu o empenho de toda a Prefeitura de Paranaguá para que tudo desse certo e a unidade fosse entregue à população nesta segunda-feira.

“Tenho muito a agradecer a todas as equipes, da Secretaria de Saúde e de outras pastas, que se empenharam bastante para que hoje possamos entregar essa unidade. Isso representa um marco para nossa saúde e nos orgulhamos muito por essa conquista”, declarou a secretária.

HOMENAGENS
Salas da unidade avançada receberam nomes de parnanguaras que lutaram contra a doença, como Máximo Ramos Campos, Edna Maria Garcia Domingues, Youssef dos Santos e Fátima Emídio da Silva.

HISTÓRICO
O projeto para instalação da unidade avançada do Hospital Erasto Gaertner em Paranaguá começou a ser discutido em 2017. O prefeito Marcelo Roque determinou que todos os esforços fossem concentrados para que o projeto se tornasse realidade, já que, segundo ele, a maioria da população definiu a iniciativa como “um sonho”.

Foram mais de dois anos de bastante trabalho conjunto para que tudo desse certo e a unidade fosse entregue nesta segunda-feira.

O espaço tem capacidade para realizar primeiras avaliações de pacientes, aplicação de quimioterapias, acompanhamentos de rotina, que incluem consultas médicas com especialistas em oncologia, além de pequenos procedimentos e ainda curativos.

Pacientes com casos mais complexos que ainda precisarem se deslocar para Curitiba continuarão com a estrutura da equipe do Departamento de Transporte da Secretaria Municipal de Saúde, que leva os pacientes em vans e micro-ônibus a Curitiba e municípios da região metropolitana.

Eles recebem toda a atenção necessária e há entrega de kit lanche a eles e seus acompanhantes, iniciativa implementada no ano passado e que é bastante elogiada, já que muitas pessoas viajavam sem condições financeiras de se alimentar.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.