Ligue-se a nós

Notícias

Testes rápidos auxiliam no cuidado à saúde parnanguara

Paciente recebe o resultado em até 30 minutos

Publicado

no

Para HIV/Aids, Sífilis e Hepatites B e C

Uma preocupação constante em todo o país é o número de casos de HIV/Aids, sífilis e hepatites B e C. Em Paranaguá essa realidade não é diferente. A desinformação e a falta de diagnóstico são inimigos do tratamento e da cura de muitas doenças.

A Prefeitura de Paranaguá por meio da Secretaria Municipal de Saúde realiza a conscientização da população com ações, campanhas e orientações repassadas nas unidades de saúde para que as pessoas procurem o Centro Municipal de Diagnóstico e realizem o teste rápido para HIV/Aids, sífilis e hepatites B e C.

Os exames são gratuitos e o resultado é apresentado em até 30 minutos. As unidades básicas também realizam o exame.

“Com relação ao HIV percebemos que ocorreu uma redução de novos casos em comparativo com anos anteriores. Paranaguá já esteve no ranking como uma das primeiras cidades no Brasil em casos da doença e hoje nos encontramos na 52ª posição nacional. É uma vitória alcançada em decorrência do trabalho árduo realizado diariamente”, destaca a psicóloga Cláudia Michelon, do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), responsável pela detecção e tratamento de pacientes com HIV/Aids em Paranaguá,
Sífilis
Por outro lado, a profissional destaca que há uma grande preocupação com o crescente número de casos de sífilis. “Aqui em Paranaguá temos um índice alto, inclusive em novembro tivemos 18 novos casos diagnosticados”, lamenta.

O CTA tem um trabalho importante que vai além do diagnóstico com uma equipe de profissionais que trabalha no atendimento com o teste, aconselhamento e a acolhida da pessoa que procura pelo serviço.

“Convidamos a todos para que venham fazer o teste, basta trazer um documento de identificação com foto. Não precisa ter encaminhamento é só vir e fazer”, garante a psicóloga.

Nos casos de resultado positivo para HIV, hepatites B e C, o paciente é tratado no próprio Hospital João Paulo. Já nos casos de sífilis, a pessoa passa por um exame confirmatório e, em seguida, é encaminhada a uma unidade básica de saúde para o tratamento da doença.
Hepatites B e C
As hepatites B e C também preocupam, mas uma novidade está sendo comemorada. “As duas têm tratamento, mas agora a hepatite C tem cura e isso é fantástico, uma importante evolução para os pacientes com essa doença. É um tratamento caro, mas custeado pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e tem duração de três meses. Claro que não adianta ter o tratamento se a pessoa não fizer o diagnóstico para iniciá-lo; por isso reforçamos que a população deve nos procurar para fazer os exames”, salienta Cláudia.

Atualmente, a hepatite C tem o maior número de notificações dentre todas as hepatites. Em 2017, a taxa de incidência foi de 11,9 casos para cada 100 mil habitantes.

São mais de um milhão de pessoas que tiveram contato com o vírus do tipo C, o que representa 0,71% da população brasileira.

A Hepatite B é um dos cinco tipos de hepatite existentes no Brasil. É causada por vírus. Em 2018, foi responsável por 13.922 (32,8%) dos casos de hepatites notificados no Brasil.

Equipe da Saúde

Da PMP

Notícias

Inscrições para o EJA terminam nesta sexta-feira

Estudantes poderão concluir as etapas em dois anos

Publicado

no

Por

Foto: SEED

Aqueles que desejam retomar seus estudos em 2020 precisam estar atentos. É que se encerra nesta sexta-feira (24) o período de inscrições para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) da Secretaria de Estado da Educação e do Esporte.

Para este ano letivo, a secretaria readequou o cronograma dessa modalidade de ensino para semestral e unificou a matriz curricular. Agora, os estudantes poderão concluir tanto a etapa do Ensino Fundamental quanto a do Ensino Médio em dois anos. No antigo formato, os estudantes levavam, em média, cinco anos para terminar cada etapa.

Além disso, a matriz unificada garante que todas as instituições que ofertam EJA terão as mesmas disciplinas, facilitando a continuidade dos estudos caso seja necessário mudar de escola, o que facilitará a organização dos professores para a escolha de suas aulas.

É importante ressaltar que a readequação do cronograma não altera a carga horária dos cursos, mas vem como uma solução para um cenário preocupante constatado: o período prolongado para conclusão dos estudos resultava em grande incidência de abandono. Com a carga horária concentrada, os estudantes terão a chance de terminar os estudos antes.
DOCUMENTOS – Para efetivar a matrícula, o estudante deve procurar diretamente a instituição de ensino de seu interesse que oferta a modalidade e levar os seguintes documentos (original e cópia).

  • Certidão de Nascimento ou Certidão de Casamento;
  • RG (para maiores de 16 anos) ou Registro Nacional Migratório – RNM / Protocolo de Solicitação de Refúgio;
  • Cadastro de Pessoa Física – CPF (para maiores de 16 anos e estudantes da Educação Profissional;
  • Declaração de Vacinação emitida pela Unidade ou Posto de Saúde (para menores de 18 anos);
  • Fatura recente da concessionária de energia elétrica, dos últimos dois meses;
  • Comprovante de endereço adicional em nome da mãe/pai/responsável legal pelo estudante, quando a fatura não estiver em nome destes;
  • Número de telefone para contato;
  • E-mail da mãe/pai/responsável legal;
  • CPF da mãe/pai/responsável legal ou Registro Nacional Migratório – RNM / Protocolo de Solicitação de Refúgio;
  • Histórico Escolar

QUEM PODE FAZER EJA – O Ensino Fundamental Anos Finais (do 6º ao 9º ano) pode ser cursado por pessoa com 15 anos completos. O Ensino Médio, por sua vez, pode ser por pessoa com 18 anos completos.

A EJA não é seriada, ou seja, o aluno não se matricula na série em que interrompeu seus estudos, e sim na etapa (Ensino Fundamental ou Ensino Médio). Todos os anos que ele já cursou, contudo, serão validados para posicioná-lo no semestre da etapa que melhor atenda à sua necessidade.

O tempo máximo de curso para cada etapa é de dois anos, mas a conclusão pode acontecer em menor tempo, de acordo com a disponibilidade e os resultados obtidos pelo aluno.

DISCIPLINAS – A matriz curricular prevê as seguintes disciplinas para a EJA Ensino Fundamental: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Naturais, História, Geografia, Inglês, Arte e Educação Física.

Já a EJA Ensino Médio ofertará as seguintes matérias: Língua Portuguesa, Inglês, Matemática, Química, Física, Biologia, História, Geografia, Espanhol, Arte, Filosofia, Sociologia e Educação Física.

ONDE TEM EJA – Atualmente, a rede estadual de ensino possui 92 Centros Estaduais de Educação Básica para Jovens e Adultos (CEEBJAs) e 238 escolas de EJA.

A lista completa das Instituições que ofertam EJA, pode ser acessada pelo site: http://www.educacao.pr.gov.br/sites/default/arquivos_restritos/files/documento/2020-01/escolaseja2020.pdf

Da AEN
Continuar Lendo

Notícias

Mais de 600 kg de cocaína são apreendidos em porto catarinense

Contêiner com compensados de madeira foi contaminado por traficantes

Publicado

no

Por

Droga aprendida em São Francisco

Em uma operação conjunta da Receita Federal e da Polícia Federal foram apreendidos, na tarde desta segunda-feira (20), no porto de São Francisco do Sul, em Santa Catarina, mais de 600 kg de cocaína.

Bolsas com a droga haviam sido colocadas em um contêiner carregado com compensados de madeira cujo destino seria o porto de Antuérpia, na Bélgica.

O método utilizado pelos traficantes é o de “rip-on/rip-off”, quando a droga é inserida em uma carga lícita sem o conhecimento dos exportadores e importadores.
Segundo o delegado da Receita Federal em São Francisco do Sul, Edwilson Mota, essa foi a primeira apreensão de cocaína naquele porto este ano.

Em 2019, não foram apreendidas cargas com drogas diretamente no porto. Houve uma ‘entrega controlada’ para a França, onde a droga passou pelo porto catarinense e foi apreendida lá.

Paranaguá bateu recorde de apreensões em 2019

Já o número de apreensões de cocaína feitas pela Receita Federal no Porto de Paranaguá, no Litoral do Paraná, aumentou 211% no ano passado, em relação a 2018. Ao todo, 15,23 toneladas da droga foram apreendidas em 2019, contra 4,89 toneladas no ano anterior.

Este ano, no dia 9, foi realizada a primeira apreensão de drogas no terminal de contêineres do porto.

Assim como em São Francisco-SC, o destino da cocaína também seria o porto de Antuérpia, na Bélgica.

O Agora Litoral registrou.

Receita Federal apreende 454 kg de cocaína em Paranaguá

Continuar Lendo

Notícias

GCM socorre mulher vítima de queda na Ilha do Mel

Turista paraguaia caiu no acesso ao Farolzinho

Publicado

no

Por

Turista foi socorrida rapidamente

Agentes da Guarda Civil Municipal socorreram, na tarde de domingo (19), uma turista de 27 anos, natural do Paraguai, que foi vítima de uma queda do mesmo nível, no caminho de acesso à localidade do Farolzinho.

A equipe da GCM foi acionada por volta das 14 horas, devido ao acidente ter ocorrido em um local de difícil acesso.

Após ser socorrida, a vítima foi transportada de lancha até o trapiche da comunidade de Encantadas e, posteriormente, levada ao posto de saúde para atendimento médico.
Durante a averiguação, foi constatado que a mulher apresentava suspeita de fratura, sendo, em seguida, encaminhada ao continente para continuidade do atendimento.

A equipe dos GCMs Billy e Adalberto, que estava de serviço, e Sérgio e Balboni, em horário de folga, deram atendimento à ocorrência, que teve o apoio da embarcação da empresa Doug transportes.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.