Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Notícias

Recomeça obra de restauro da Estação Ferroviária de Paranaguá

ANÚNCIO FOI FEITO PELO PREFEITO MARCELO ROQUE

Agora Litoral
A tão sonhada obra de restauração da Estação Ferroviária de Paranaguá, um dos cartões postais da cidade, foi retomada. O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (11) pelo prefeito Marcelo Roque em seu perfil no facebook. (VEJA VÍDEO ABAIXO)

O trabalho no prédio histórico foi abandonado pela empresa contratada anteriormente, que concluiu 55% das obras e que está sendo processada pela Prefeitura de Paranaguá por quebra de contrato.

Uma nova empresa foi contratada, após licitação, e será responsável pela restauração total do prédio. A retomada dos trabalhos está em fase inicial e contempla o restauro do forro, das paredes, assoalho, pintura, instalações elétricas e hidráulicas, entre outros trabalhos.

Empresa Albatroz vai concluir restauro

O prefeito Marcelo Roque visitou a obra nesta terça-feira junto com o secretário de Obras, Sílvio Loyola. Ele explicou que a burocracia e a observância das leis fez com que a licitação demorasse mais que o esperado.

“Infelizmente tivemos contratempo com a empresa que abandonou a obra. Fizemos uma nova licitação para que a recuperação desse cartão postal seja concluída o mais breve possível”, declarou.

O secretário de Obras, Sílvio Loyola, conta que a cobertura do prédio já foi feita, bem como a retirada das esquadrias de madeira. Segundo ele, a nova empresa irá trabalhar na preparação das paredes, sendo que serão refeitos os frisos e os detalhes das paredes. “Os andaimes estão montados para que em breve o forro seja colocado. Nosso objetivo final é que este prédio volte a funcionar como um patrimônio público”, comentou.

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios