Ligue-se a nós

Notícias

Governo do Paraná autoriza construção de nova maternidade em Guaratuba

Obras já começaram e devem ser concluídas no segundo semestre de 2021.

Publicado

no

Fotos: Alessandro Vieira

O Governo do Paraná autorizou a construção de uma nova maternidade em Guaratuba. As obras já começaram e devem ser concluídas no segundo semestre de 2021. O investimento da Secretaria de Estado da Saúde no espaço de 1.227 metros quadrados é de R$ 1,12 milhão.

A história é recorrente em Guaratuba, no Litoral do Paraná. Em busca de uma estrutura de atendimento melhor, as gestantes da cidade se acostumaram a trocar o hospital público local pela Maternidade Darcy Vargas. Enfrentam 140 quilômetros de estrada para ir e voltar de Joinville por cerca de nove meses para fazer todo o pré-natal e também o parto na cidade catarinense.

“Saúde é uma das grandes preocupações do Estado e não pode ficar concentrada na capital ou em cidades maiores. Estamos potencializando os hospitais regionais e filantrópicos, os consórcios municipais para garantir que todos os paranaenses recebam o melhor cuidado possível”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior. “No caso de Guaratuba, para que as mães tenham toda a segurança de que estão sendo bem cuidadas e, assim, as crianças possam nascer com conforto e atendimento de qualidade”, acrescenta.
CADEIA DA SAÚDE – A inauguração da maternidade terá impacto em toda a cadeia da saúde de Guaratuba. O prédio da antiga Santa Casa, onde atualmente funciona o hospital e a maternidade da cidade, foi adquirido pelo município e será transformado em uma nova Unidade Básica de Saúde (UBS) do Centro.

A intenção é diminuir o movimento na UBS de Caieiras, bairro bastante populoso do município, e melhorar o acesso da população da região central.

O complexo também vai sediar o novo Centro de Especialidades, que hoje funciona no Eliane-Nereidas. Com a mudança, a edificação se tornará mais uma Unidade Básica de Saúde para atender os moradores destes dois bairros.

A iniciativa, explica o secretário municipal da Saúde de Guaratuba, Gabriel Modesto, permitirá, ainda, a implantação de mais duas equipes de Saúde da Família, chegando a 13 em toda a cidade.

“Como a maternidade está sendo construída ao lado do Pronto Socorro, Guaratuba passará a contar com um serviço de saúde 24 horas em um único lugar, otimizando os recursos e ampliando a qualidade e a oferta dos atendimentos”, explica o secretário.
ESTRUTURA – O projeto da maternidade começou a ser desenvolvido pela prefeitura em 2017. A unidade terá uma estrutura ampla e moderna, com novos equipamentos no setor cirúrgico, clínico, pediátrico e na maternidade.

Contará com salas de estabilização, um centro para cirurgias de pequena e média complexidades e atenderá também emergências. Serão ao todo 30 leitos.

“As pessoas precisam receber o atendimento mais próximo das suas casas. Vamos atender o Paraná por inteiro, com serviços de qualidade em todas as regiões”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

Da AEN

Deixe seu comentário!

Notícias

Litoral registra mais 1 óbito e 103 novos casos de Covid nesta quarta-feira

Paraná ultrapassa 285 mil casos confirmados da doença

Publicado

no

Por

O Litoral do Paraná registrou mais 1 óbito e 103 novos casos de Covid-19 nesta quarta-feira (2). Os dados estão no informe epidemiológico da Secretaria do Estado da Saúde (Sesa).

O óbito confirmado no boletim é de um morador de Morretes. Os novos casos foram registrados em: Paranaguá (68); Morretes (17); Guaratuba (13); Antonina (3); Guaraqueçaba (1) e Pontal do Paraná (1).

Com essas informações, a região litorânea passa a ter 10.197 casos e 213 óbitos em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus.

CASOS POR CIDADE – Paranaguá (5.862); Guaratuba (1.126); Antonina (899); Pontal (807); Morretes (789); Matinhos (590) e Guaraqueçaba (124).

ÓBITOS – Paranaguá (107); Guaratuba (25); Matinhos (23); Antonina (21); Pontal (17); Morretes (16) e Guaraqueçaba (4).

RECUPERADOS – 7.914 pessoas já teriam se recuperado da doença. Em Paranaguá (4.489); em Guaratuba (933); em Antonina (753); em Pontal do Paraná (639); em Morretes (555); em Matinhos (484) e em Guaraqueçaba (61).

O Paraná soma 285.837 casos e 6.188 mortos em decorrência da doença.

Veja o Boletim da Sesa.

Continuar Lendo

Notícias

Pandemia de Covid-19 faz Prefeitura de Pontal do Paraná suspender concurso

Provas seriam realizadas no sábado (5) e no domingo (6)

Publicado

no

Por

A Prefeitura de Pontal do Paraná decidiu suspender o concurso público 001/2020 e adiar as provas marcadas para os dias 5 e 6 de dezembro, sábado e domingo próximos. Em nota, a Prefeitura não citou nenhuma data para a realização das provas.

A decisão considerou vários aspectos ligados ao significativo aumento de pessoas contaminadas pela Covid-19 no Paraná, bem como as medidas adotadas pelo Governo do Estado para ajudar a conter a disseminação do novo coronavírus.

“A realização do concurso público com a reunião dos candidatos seria temerária, podendo implicar num crescimento exponencial no número de casos no município”, diz a nota assinada pelo prefeito Fabiano Alves Maciel (Binho).

A Prefeitura destacou ainda que houve 8.018 inscritos para a realização do concurso, “número expressivo que inevitavelmente iria acarretar num aumento de pessoas neste município, pois representa aproximadamente um adicional de 30% de sua população, em contradição às medidas de proteção do contágio pela Covid-19”.

VEJA A NOTA DA PREFEITURA
Continuar Lendo

Notícias

Comércio do Litoral do Paraná se prepara para a alta temporada atípica

Várias estratégias de segurança estão sendo adotadas para receber os veranistas

Publicado

no

Por

Cidade de Guaratuba (Foto: Arnaldo Alves)

A chegada do verão costuma multiplicar o número de turistas nas praias do Litoral do Paraná. No último réveillon, as cidades de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná juntas receberam mais de 1 milhão e 200 mil turistas para as festividades de ano novo. Para as festas de 2020, mesmo durante a pandemia, os comerciantes estão esperançosos para registrar resultados semelhantes.

A Presidente da Associação Comercial e Empresarial de Guaratuba (ACIG), Solange Aparecida de Souza e Silva, explica que o setor alimentício litorâneo foi um dos mais afetados devido à medida restritiva de isolamento social.

“Para poder receber os clientes, os restaurantes têm se reorganizado para o atendimento interno e redobrado os cuidados na produção. Além disso, os serviços de entrega já estão fazendo parte do dia a dia desses empreendimentos”, diz.

A Rede Bangalô dos Pastéis, que conta com duas unidades nas cidades de Matinhos e Guaratuba, aproveitou os meses que antecedem o verão para realizar treinamentos com os funcionários sobre cuidados e prevenções com a doença.

“Todo mundo está na ânsia de chegar ao fim da pandemia, voltar à normalidade, querendo sair, aproveitar. Mas enquanto isso não acontece, queremos estar preparados para atender os clientes com segurança”, conta Augusto Pedrotti, sócio proprietário do Bangalô dos Pastéis.

Além dos treinamentos, a rede também vai disponibilizar álcool em gel na entrada do estabelecimento, distribuir cartilhas educativas contendo os cuidados com o vírus, implantar o processo de medição de temperatura na testa ao entrar na loja, fornecer embalagens higienizadas, entre outras estratégias rígidas para a prevenção da doença.

“Vários outros empreendimentos do litoral também estão buscando formas de oferecer mais segurança e conforto aos clientes durante a alta temporada. É a época mais importante do ano para nós, e precisamos passar muita segurança para que o nosso público venha para o litoral e consuma sem riscos”, completa Pedrotti.

Proprietários da Rede Bangalô dos Pastéis

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.