Ligue-se a nós

Notícias

Esculturas de tartaruga e baleia na orla de Matinhos alertam sobre poluição na praia

Objetivo é chamar a atenção sobre resíduos deixados na orla paranaense.

Publicado

no

Artista Luiz Gagliastri usa lixo plástico deixado na praia para construir suas obras

Duas esculturas gigantes na orla de Matinhos, no Litoral, estão chamando a atenção dos veranistas para a quantidade de resíduos deixados na praia. O material é recolhido diariamente pela Sanepar durante a temporada de Verão Paraná.

As obras representam uma tartaruga marinha e uma baleia jubarte, com casco e barriga preenchidos com garrafas pet e outros tipos de plástico. As esculturas são criações do Luiz Gagliastri, artista brasileiro contemporâneo, internacionalmente reconhecido tanto pelas técnicas utilizadas em suas obras como também pelas mensagens difundidas por elas.

Membro do Centro Internacional de Escultores, nos Estados Unidos, Gagliastri iniciou sua carreira há 37 anos com obras muito semelhantes às que estão em Matinhos, já denunciando a caça de baleias jubarte.

“As minhas obras são ferramentas para os animais que pedem socorro, para o planeta que pede socorro. Já atuei em relação à proibição da caça da jubarte no Brasil e meu sonho agora é que os materiais plásticos, especialmente as sacolas, sejam de material biodegradável. Uma sacola plástica soterrada leva 200 anos para se decompor. Se o plástico é biodegradável, são apenas quatro anos para acontecer a decomposição”, diz.A escultura da tartaruga marinha representa o mesmo animal que ilustra os contêineres de serviços da Sanepar no Litoral.

“As tartarugas são os animais que mais sofrem com o lixo jogado nos oceanos. Elas confundem plásticos com alimento e acabam morrendo por isso. Precisamos ter consciência sobre o que fazemos com o lixo”, afirma o escultor.

Gagliastri diz que seu público predileto são as crianças porque elas entendem a mensagem e mudam os comportamentos, inclusive dos adultos que as cercam.LIXO – Boa parte dos resíduos utilizados nas esculturas foi recolhida pelos coletores contratados pela Sanepar na orla de Matinhos. O serviço de limpeza das areias é feito também nas praias de Guaratuba e Pontal do Paraná, num total de 48 km lineares. Neste trabalho, atuam cerca de 130 trabalhadores e são utilizados 10 quadriciclos e 10 carretinhas.

Desde o início da operação, já foram retiradas mais de 310 toneladas de resíduos das areias no Litoral, numa média de 13 toneladas ao dia.

Da AEN
Clique para comentar

Deixe seu comentário!

Notícias

Polícia Ambiental deflagra operação contra queimadas em Guaratuba

Foi realizado fiscalização nos bairros Coroados, balneário Eliane, Carvoeiro e Piçarras

Publicado

no

Por

Na noite de domingo, 22, policiais militares do 2º Pelotão da 1ª Companhia Ambiental deram prosseguimento a uma operação para prevenir condutas criminosas ambientais e a prática de queimadas na cidade de Guaratuba. Durante a ação, os policiais realizaram fiscalização nos bairros Coroados, balneário Eliane, Carvoeiro e Piçarras.

O objetivo principal foi localizar possíveis focos de queimadas criminosas, os quais, com o tempo mais seco nesta época, aumentam a possibilidade de incêndios, destruindo nascentes e provocando desmatamentos e a morte de animais silvestres.

Na fiscalização não foi encontrada nenhuma situação de fogo em vegetação, mas, em alguns pontos, os militares localizaram pequenas fogueiras no meio da rua, sem que os responsáveis fossem identificados.

A equipe policial apagou as fogueiras com a ajuda de populares, os quais foram orientados e advertidos que é crime atear fogo a céu aberto, sem autorização das autoridades competentes, podendo a pessoa ser responsabilizada na esfera criminal (com detenção de seis meses a reclusão de quatro anos, conforme o potencial de poluição).O autor também será responsabilizado na esfera administrativa, com multa inicial de R$ 5 mil.

A ação teve início na noite de sexta-feira, 20, quando os policiais do 2º Pelotão da 1ª Companhia Ambiental estiveram na mesma região, orientando os moradores sobre os perigos das queimadas.

Continuar Lendo

Notícias

Uso de máscara permanece obrigatório em ambientes de atendimento à saúde

Apesar da redução no número de casos, medida de prevenção precisa ser mantida

Publicado

no

Por

Mesmo com a redução no número de casos e óbitos por Covid-19, a pandemia ainda não acabou e as medidas de prevenção devem ser mantidas. Continuam em vigor decretos Estaduais e Municipais que mantém a obrigatoriedade do uso de máscara em locais de atendimento à saúde e transporte coletivo.

Subprefeitura fica localizada no Nilson Neves

Pontos de vacinação
Em Paranaguá, desde esta segunda-feira (23/05), a aplicação de vacinas contra a Covid-19 está ocorrendo em dois pontos fixos: no Terminal Urbano, no Centro da cidade, e na Subprefeitura, no Nilson Neves, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira.

“É importante lembrar à população que busca as unidades de saúde e os dois pontos de vacinação contra a Covid-19, usem máscara para esse atendimento”, ressalta a secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro.

Da Prefeitura de Paranaguá
Continuar Lendo

Notícias

Caminhoneiro que morreu prensado nas ferragens era morador de Matinhos

Acidente foi na tarde de sábado, na pista sentido Litoral

Publicado

no

Por

Uma tragédia ocorrida na tarde de sábado (21/05) na BR-277, acabou com Eder Maier, de 40 anos, preso nas ferragens, vindo a óbito no local. O caminhão bitrem em que ele estava tombou na lateral da rodovia, no km 51, na pista sentido Litoral. Eder era morador no balneário Costa Azul, em Matinhos.O ACIDENTE – Segundo motoristas que passavam na hora do acidente, Eder teria dito antes de morrer que não sabia direito o que teria ocorrido, apenas que perdeu o controle do veículo.O trabalho de resgate contou com o apoio da equipe do Corpo de Bombeiros, que usou um guindaste para retirar o corpo de Eder da cabine que ficou completamente destruída.

Amigos e familiares lamentaram a morte do caminhoneiro nas redes sociais.Ele era natural de Ponta Grossa, onde foi sepultado.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.