Ligue-se a nós

Paranaguá

Prefeito reforça importância da vacinação contra febre amarela

PROCURA PELA VACINA CAIU NOS ÚLTIMOS DIAS

Publicado

no

Agora Litoral
O prefeito Marcelo Roque esteve na Secretaria Municipal de Saúde recentemente para se inteirar da situação da pasta e, sobretudo, para atualizar as informações referentes à vacinação contra a febre amarela em Paranaguá. No entanto, ficou preocupado ao ser informado de que nos últimos dias houve uma diminuição na procura pelas doses nas unidades básicas. “A preocupação não pode esfriar. Temos que continuar muito atentos para essa prevenção”, advertiu ele.

De 28 de janeiro até o dia 6 de fevereiro foram vacinadas 8.139 pessoas em Paranaguá. A intensificação da aplicação das doses começou após o anúncio da suspeita da morte de 3 macacos em Antonina, que foi confirmada. No dia 1.º de fevereiro foi confirmado o primeiro caso em humano da doença, o que provocou alta procura nas unidades básicas, mas que vem decrescendo nos últimos dias. Na segunda-feira (04) foram vacinadas 1.055 pessoas, contra 328, na terça-feira, e 646 na quarta-feira (06).

“Peço que nossa população continue procurando nossas unidades básicas e se vacinando. Não podemos esquecer que o mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya, também transmite a febre amarela e temos um número alto deste vetor em nossa cidade”, alertou o prefeito, durante visita que fez à secretária municipal de Saúde, Lígia Regina de Campos Cordeiro.

A aplicação da vacina da febre amarela era rotina das unidades de saúde, sendo oferecida uma vez por semana, exceto na Gabriel de Lara, onde poderia ser feita todos os dias. Após o anúncio da suspeita de morte de macacos em Antonina o prefeito Marcelo Roque determinou que as doses fossem oferecidas em todos os postos em horário comercial (8h às 17h) e também nas 7 que atuam com horário estendido (das 18h às 23h). São elas: Alexandra, Jardim Iguaçu, Vila Divinéia (Branquinho), Serraria do Rocha, Gabriel de Lara, Vila Garcia e Ilha dos Valadares (Rodrigo Gomes).

SISTEMA
Somente a partir de 2015 é que o Ministério da Saúde criou um sistema para integrar os dados referentes à vacinação da febre amarela. Antes disso não havia o registro oficial de quem já tinha sido imunizado com a dose, o que dificulta a obtenção de números reais referentes aos que já foram imunizados.

Essa dificuldade também levou o prefeito Marcelo Roque a determinar que os agentes comunitários de saúde façam a busca ativa de pessoas que já tenham sido vacinadas. Comprovando a aplicação, por meio de carteira, os dados são recolhidos e são inseridos no sistema, para melhorar os dados relativos à cobertura vacinal.

QUEM PODE SE VACINAR?
Podem receber a vacina contra a febre amarela pessoas com idade entre 9 meses e 60 anos incompletos. Quem estiver acima desta faixa etária, gestantes e mulheres que estejam amamentando bebê com até seis meses só podem ser imunizadas se tiverem indicação médica.

Não podem fazer a vacina pessoas com imunossupressão secundária à doença ou terapias imunossupressoras (quimioterapia, radioterapia, corticóides acima de 2mg/dia). E ainda, pacientes que fazem uso de medicações anti-metabólicas ou medicamentos modificadores do curso da doença, transplantados e pacientes com doença oncológica em quimioterapia, pessoas com história pregressa de doença do timo (miastenia gravis, timoma)

Pessoas vivendo com HIV/AIDS com imunodeficiência grave também não podem receber a dose, bem como quem tiver reação alérgica grave ao ovo.

Da PMP
Anúncio
Clique para comentar

Deixe um comentário!

Paranaguá

Menor que agredia o pai e cultivava maconha é apreendido pela PM

PM levou ele e os pés da planta pra DP

Publicado

no

Por

Um dos pés de maconha media mais de 1,70m

Um adolescente foi apreendido pela Polícia Militar, na manhã de terça-feira (19), após uma denúncia sobre um idoso que estaria sofrendo violência familiar em sua casa na Vila Bela, Ilha dos Valadares.

Durante a averiguação, os policiais apreenderam uma porção de maconha e três pés da planta, que o garoto assumiu que estava cultivando com um irmão que não foi localizado.

A ação policial teve início por volta das 7h40, após várias denúncias repassadas anonimamente para a PM, relatando que dois rapazes estariam ameaçando e agredindo o pai.

De imediato uma equipe policial foi ao local indicado e abordou a vítima, um homem de 61 anos, que confirmou a violência que vinha sofrendo. O idoso ainda relatou aos policiais que temia por sua integridade física.

O acusado, de 17 anos, foi abordado e, ao ser questionado sobre as acusações, permaneceu calado.

Quando os policiais foram realizar uma busca no quarto do menor, encontraram uma bucha de maconha e, na sequência, nos fundos do imóvel, descobriram três pés da planta, sendo um de 1,70m de altura e outros dois de 95 e 55 centímetros cada, que o garoto admitiu que eram cultivados por ele e seu irmão.
O outro filho do idoso não foi localizado e o menor acabou apreendido e foi encaminhado ao plantão da 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá, junto com o pai e o entorpecente apreendido, para que fossem tomadas as providências necessárias.

Continuar Lendo

Paranaguá

Prorrogado prazo para solicitar isenção da balsa do Valadares

Documento deve ser feito na Semsu

Publicado

no

Por

Balsa faz a travessia pelo Rio Itiberê

A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsu) prorrogou o prazo para renovação (atualização) ou realização de novo cadastro para isenção da taxa da primeira travessia do dia pela balsa para o morador da Ilha dos Valadares. A data limite é 19 de dezembro.

Só poderá ter o benefício de não pagar a tarifa para passar com a balsa pelo Rio Itiberê aqueles que comprovarem que residem na localidade.

O cadastro ou renovação devem ser feitos diretamente no Departamento de Concessões e Permissões, localizado na Semsu, que fica na rua Júlia da Costa, em frente ao Asilo São Vicente de Paula, no Centro de Paranaguá. O horário de atendimento é das 8h às 12h e das 13h30 às 18h.

DOCUMENTOS
Será necessário apresentar os seguintes documentos: Comprovante de residência; documento do automóvel em nome do morador ou que comprove a titularidade; Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

“É preciso que os moradores procurem a Semsu para renovar ou fazer o novo cadastro. A partir de 19 de dezembro não será mais permitido fazer a travessia se o cadastro não estiver atualizado. O morador terá que pagar pelo serviço da balsa até que regularize a situação”, alertou o secretário municipal de Serviços Urbanos, Cláudio Roberto Mariano.

NÚMEROS
Dados da Semsu apontam que outubro terminou com um total de 8.569 travessias realizadas pela balsa entre o continente e a Ilha dos Valadares. O número é 24,98% superior ao registrado em setembro, quando a isenção foi implantada, por iniciativa do prefeito Marcelo Roque para beneficiar a população insulana. Foram 6.429 veículos computados.

Cerca de 2.900 estão cadastrados como moradores da Ilha dos Valares como proprietários de veículos. Além da isenção outro benefício para a população insulana implantada também em setembro foi a ampliação do horário de funcionamento da balsa, que passou a circular também no período da madrugada, ação inédita e que beneficia a comunidade.

São quatro horários para a passagem: 00h10, 1h, 3h e 5h (no terminal de Paranaguá) e às 00h30, às 2h, à 4h e às 5h30 (terminal da Ilha dos Valadares). Para quem não tem direito à isenção a tarifa custa R$ 17 (ida e volta).

Da PMP
Continuar Lendo

Paranaguá

Homem que ‘passou a mão’ em menina no Rocio é encontrado morto na cadeia

Ele havia sido preso na noite de domingo

Publicado

no

Por

O homem de 52 anos, que foi preso na noite de domingo (17), em Paranaguá, acusado de ter ‘passado a mão’ em uma adolescente de 12 anos na Festa do Rocio, foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (19) em uma cela na cadeia pública de Paranaguá.

As circunstâncias da morte dele, que era morador na vila São Vicente, ainda não foram esclarecidas. A princípio, o homem teria se enforcado.

O corpo do detento foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Levantamento do Agora Litoral mostra que o homem já tinha sido acusado do mesmo crime em 2016.

NOTÍCIA RELACIONADA

Homem de 52 anos é preso após ‘passar a mão’ em menina na Festa do Rocio

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.