Ligue-se a nós

Paranaguá

PM encontra mais de R$ 8 mil em casa abandonada na Vila Alboit

NO LOCAL HAVIA TAMBÉM UMA BALANÇA DE PRECISÃO

Publicado

no

Agora Litoral
Policiais militares do 9º Batalhão apreenderam mais de R$ 8 mil durante uma abordagem em uma residência na Vila Alboit, em Paranaguá. A ação ocorreu no final da tarde de sábado (9), e resultou na apreensão de uma balança de precisão.

Conforme a ocorrência, por volta das 17h50, uma equipe da Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) estava em patrulhamento pela Rua Xavier da Silva quando, ao se aproximar de um local conhecido pela comercialização e uso de drogas, em um beco, avistou três indivíduos, sendo que um deles estava com uma sacola plástica na mão. O homem, ao perceber a aproximação da viatura, fugiu para dentro de uma residência.

De imediato os militares fizeram o acompanhamento a pé, até o quintal da moradia, de onde foi avistada, em cima de uma mesa, pela porta que estava entreaberta, uma grande quantidade de dinheiro, faca e uma balança de precisão. Os dois indivíduos que ficaram na frente da casa foram abordados, mas nada de ilícito foi encontrado com eles, os quais foram liberados depois de serem devidamente identificados.

Devido a suspeita de tráfico de drogas no local, a equipe policial entrou na residência e notou que a faca e a balança estavam com vestígios de cocaína, assim como a mesa. Enquanto a equipe policial estava no local compareceu uma mulher, relatando que a residência estava abandonada e que seu irmão de vez em quando  frequentava o local.

Em suas declarações, a mulher, de 34 anos, contou que a casa seria do seu pai, que mora em outro local, e, ao ser indagada sobre o dinheiro, ela disse que não era dela. Algum tempo depois compareceu no local o proprietário da moradia, de 57 anos, que confirmou que o imóvel estava abandonado e não soube dizer de quem era o dinheiro.

Diante dos fatos, todo o dinheiro encontrado no local, que totalizou R$ 8.129,00, foi apreendido e entregue na 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá, junto com a balança de precisão, faca e uma máscara que estava no local. O dono da casa e sua filha foram registrados no boletim de ocorrência como testemunhas.

O suspeito que fugiu no início da abordagem acabou escapando dos policiais depois de pular vários muros.

Anúncio
Clique para comentar

Deixe um comentário!

Paranaguá

Menor que agredia o pai e cultivava maconha é apreendido pela PM

PM levou ele e os pés da planta pra DP

Publicado

no

Por

Um dos pés de maconha media mais de 1,70m

Um adolescente foi apreendido pela Polícia Militar, na manhã de terça-feira (19), após uma denúncia sobre um idoso que estaria sofrendo violência familiar em sua casa na Vila Bela, Ilha dos Valadares.

Durante a averiguação, os policiais apreenderam uma porção de maconha e três pés da planta, que o garoto assumiu que estava cultivando com um irmão que não foi localizado.

A ação policial teve início por volta das 7h40, após várias denúncias repassadas anonimamente para a PM, relatando que dois rapazes estariam ameaçando e agredindo o pai.

De imediato uma equipe policial foi ao local indicado e abordou a vítima, um homem de 61 anos, que confirmou a violência que vinha sofrendo. O idoso ainda relatou aos policiais que temia por sua integridade física.

O acusado, de 17 anos, foi abordado e, ao ser questionado sobre as acusações, permaneceu calado.

Quando os policiais foram realizar uma busca no quarto do menor, encontraram uma bucha de maconha e, na sequência, nos fundos do imóvel, descobriram três pés da planta, sendo um de 1,70m de altura e outros dois de 95 e 55 centímetros cada, que o garoto admitiu que eram cultivados por ele e seu irmão.
O outro filho do idoso não foi localizado e o menor acabou apreendido e foi encaminhado ao plantão da 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá, junto com o pai e o entorpecente apreendido, para que fossem tomadas as providências necessárias.

Continuar Lendo

Paranaguá

Prorrogado prazo para solicitar isenção da balsa do Valadares

Documento deve ser feito na Semsu

Publicado

no

Por

Balsa faz a travessia pelo Rio Itiberê

A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsu) prorrogou o prazo para renovação (atualização) ou realização de novo cadastro para isenção da taxa da primeira travessia do dia pela balsa para o morador da Ilha dos Valadares. A data limite é 19 de dezembro.

Só poderá ter o benefício de não pagar a tarifa para passar com a balsa pelo Rio Itiberê aqueles que comprovarem que residem na localidade.

O cadastro ou renovação devem ser feitos diretamente no Departamento de Concessões e Permissões, localizado na Semsu, que fica na rua Júlia da Costa, em frente ao Asilo São Vicente de Paula, no Centro de Paranaguá. O horário de atendimento é das 8h às 12h e das 13h30 às 18h.

DOCUMENTOS
Será necessário apresentar os seguintes documentos: Comprovante de residência; documento do automóvel em nome do morador ou que comprove a titularidade; Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

“É preciso que os moradores procurem a Semsu para renovar ou fazer o novo cadastro. A partir de 19 de dezembro não será mais permitido fazer a travessia se o cadastro não estiver atualizado. O morador terá que pagar pelo serviço da balsa até que regularize a situação”, alertou o secretário municipal de Serviços Urbanos, Cláudio Roberto Mariano.

NÚMEROS
Dados da Semsu apontam que outubro terminou com um total de 8.569 travessias realizadas pela balsa entre o continente e a Ilha dos Valadares. O número é 24,98% superior ao registrado em setembro, quando a isenção foi implantada, por iniciativa do prefeito Marcelo Roque para beneficiar a população insulana. Foram 6.429 veículos computados.

Cerca de 2.900 estão cadastrados como moradores da Ilha dos Valares como proprietários de veículos. Além da isenção outro benefício para a população insulana implantada também em setembro foi a ampliação do horário de funcionamento da balsa, que passou a circular também no período da madrugada, ação inédita e que beneficia a comunidade.

São quatro horários para a passagem: 00h10, 1h, 3h e 5h (no terminal de Paranaguá) e às 00h30, às 2h, à 4h e às 5h30 (terminal da Ilha dos Valadares). Para quem não tem direito à isenção a tarifa custa R$ 17 (ida e volta).

Da PMP
Continuar Lendo

Paranaguá

Homem que ‘passou a mão’ em menina no Rocio é encontrado morto na cadeia

Ele havia sido preso na noite de domingo

Publicado

no

Por

O homem de 52 anos, que foi preso na noite de domingo (17), em Paranaguá, acusado de ter ‘passado a mão’ em uma adolescente de 12 anos na Festa do Rocio, foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (19) em uma cela na cadeia pública de Paranaguá.

As circunstâncias da morte dele, que era morador na vila São Vicente, ainda não foram esclarecidas. A princípio, o homem teria se enforcado.

O corpo do detento foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

Levantamento do Agora Litoral mostra que o homem já tinha sido acusado do mesmo crime em 2016.

NOTÍCIA RELACIONADA

Homem de 52 anos é preso após ‘passar a mão’ em menina na Festa do Rocio

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.