Ligue-se a nós

Paranaguá

Grávida é presa após marido fugir da PM

OS DOIS TRAFICAVAM CRACK NA VILA SÃO JORGE

Publicado

no

Agora Litoral
Uma mulher foi presa, na noite de sábado (02), acusada de comercializar entorpecentes na Vila São Jorge, em Paranaguá. Grávida de oito meses, ela e o marido, Cícero Gregori Gonçalves Mattos – com passagens pela Polícia por tráfico de drogas – foram denunciados a uma equipe da Polícia Militar que patrulhava o bairro.

Os PMs foram até a Rua Projetada nº 1 para confirmar a informação de que um casal estaria traficando drogas em frente a uma residência, local conhecido no setor policial por ser ponto de tráfico.

Ao se aproximar, os militares visualizaram um homem (Cícero) e este, ao perceber que seria abordado, fugiu para dentro da casa. Os policiais foram em seu encalço, mas o homem pulou por uma janela e se escondeu num matagal, não sendo possível localizá-lo.

Logo na entrada da casa, em cima de uma mesa, havia certa quantidade de crack (43 pedras), R$ 670 em dinheiro trocado, balança de precisão e três aparelhos celulares. Na residência, foi abordada Jéssica Cristine de Moura, de 24 anos, suspeita de vender o entorpecente junto com Cícero. Ela foi encaminhada para a 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá.

Deixe seu comentário!

Paranaguá

Mulher leva garrafada no rosto em briga de família no Jardim Iguaçu

Garrafa foi atirada pelo irmão dela, após brigar com o cunhado.

Publicado

no

Por

Uma briga entre pessoas da mesma família, na noite de terça-feira (14), no Jardim Iguaçu, em Paranaguá, acabou com uma mulher de 23 anos atingida com uma garrafada no rosto.

A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar por volta das 23h30. Quando a viatura chegou ao local da chamada, a moça relatou ter sido agredida durante um desentendimento que teve com seu irmão, de 24 anos.

Ela contou que estava em casa, quando o acusado chegou e começou a discutir com ela e seu companheiro. A discórdia evoluiu para uma briga entre os dois homens, ainda no terreno da residência.

A moça disse que quando ela e o marido saíram do local, o irmão começou a atirar pedras e garrafas na direção do casal, ocasião em que uma das garrafas atiradas veio a atingir seu rosto, causando-lhe um corte próximo ao olho direito.

Na chegada da equipe, apenas a mulher e o irmão agressor permaneciam no local.

Diante da situação, os dois irmãos foram encaminhados ao plantão da Delegacia Cidadã, sendo o agressor autuado pelo crime de lesão corporal, em decorrência de violência doméstica.

Continuar Lendo

Paranaguá

Caminhoneiro é assaltado ao parar em semáforo na Bento Rocha

Quatro bandidos levaram documentos, dinheiro e o celular dele

Publicado

no

Por

Um motorista de caminhão foi assaltado, na noite de terça-feira (14), ao parar em um semáforo na Avenida Bento Rocha, no bairro Rocio, em Paranaguá.

A vítima, de 46 anos, com endereço na cidade de Rondonópolis, no Mato Grosso, ligou para a Polícia Militar e forneceu alguns detalhes do assalto.

Em suas declarações, o caminhoneiro relatou que, por volta das 19 horas, ao parar no sinal vermelho, apareceram quatro indivíduos, e que um deles se pendurou na porta do veículo pedindo dinheiro.

O motorista contou também que, em seguida, foi surpreendido por outro homem, que, mostrando uma arma de fogo, anunciou o assalto.

Na sequência, um dos assaltantes que estava na porta invadiu a cabine do caminhão e roubou três carteiras contendo dinheiro e documentos pessoais, além de um telefone celular. O quarteto fugiu em seguida, em direção à Serraria do Rocha.

Através de um aplicativo no celular, durante as diligências, os policiais verificaram que o aparelho se encontrava em uma viela, nos fundos de uma panificadora na Vila Portuária.

Os policiais realizaram patrulhamento pela região, mas não localizaram os autores do roubo ou o celular.

Continuar Lendo

Paranaguá

GCM prende na Costeira homem envolvido no tráfico de drogas

Ele tinha porções de crack, maconha e muito dinheiro.

Publicado

no

Por

Agentes da Guarda Civil Municipal prenderam, na noite de segunda-feira (13), um homem envolvido com o comércio de entorpecentes no bairro Costeira, na cidade de Paranaguá. Durante a ação houve a apreensão de mais de 400 gramas de maconha, além de pedras de crack e dinheiro.
A PRISÃO
Uma equipe da Romu (Ronda Ostensiva Municipal) realizava patrulhamento pela localidade, por volta das 21h20, quando, em frente um bar, na Rua João Pessoa, avistou Luciano da Silva Mendes, de 46 anos, que passou a agir de maneira suspeita ao ver a viatura.

De imediato foi realizada abordagem e, na revista foi encontrada, em sua calça, uma meia contendo 14 buchas de maconha e 18 pedras de crack embaladas para venda, além da quantia de R$ 12 em moedas.

Em uma bolsa que estava com o abordado foi localizado um pedaço grande de maconha, totalizando 225 gramas, além de um carregador de tornozeleira eletrônica, celular e uma pequena caixa de som.

Perguntado se teria mais drogas em sua residência, Luciano informou que havia uma pequena quantidade para consumo e, então, os agentes foram até a moradia, onde flagraram a cunhada do detido, saindo correndo da residência e arremessando um pacote para os fundos do quintal.

Imediatamente a mulher, de 34 anos, também foi abordada e, ao ser verificado o que ela estava dispensando, os agentes encontraram mais dois pedaços grandes de maconha, que pesaram 207 gramas.

Nas diligências, os agentes ainda encontraram a quantia de R$ 4.266, na bolsa da suspeita, e uma balança de precisão que estava na casa.

Diante da situação, o casal de cunhados foi encaminhado para a Delegacia Cidadã, sendo Luciano autuado em flagrante e, em seguida, conduzido para a Cadeia Pública, onde ficou recolhido à disposição da Justiça.

REINCIDENTE
Luciano da Silva Mendes havia sido preso pela ROMU, em março deste ano, também no bairro Costeira e igualmente por tráfico de drogas.

Na ocasião, ele estava com cocaína, maconha e crack.

O Agora Litoral registrou a ocorrência:

Romu prende suspeito com cocaína, crack e maconha na Costeira

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.