Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
PUBLICIDADE
Paranaguá

Dupla é presa por tráfico de drogas no Jardim Jacarandá

TINHAM PEDRAS DE CRACK E BUCHAS DE COCAÍNA

Agora Litoral
Policiais militares do 9º Batalhão prenderam, na noite de quinta-feira (7), dois homens acusados de envolvimento com o tráfico de drogas em Paranaguá. A ação ocorreu no Jardim Jacarandá e resultou na apreensão de pedras de crack, buchas de cocaína e material para embalar a droga.

Foram presos Rafael Farias Pinheiro, de 24 anos, e Talisson da Silva Alves, de 23. Os dois foram encaminhados à 1ª Subdivisão Policial de Paranaguá onde ficaram recolhidos no setor de carceragem local, aguardando pronunciamento da Justiça.

De acordo com boletim policial, por volta das 23 horas, equipes da Rotam estavam em patrulhamento pela Avenida Belmiro Sebastião Marques, quando, ao chegarem em um terreno denunciado pela prática constante de tráfico de drogas, alguns indivíduos foram flagrados em atitude suspeita, sendo, imediatamente, realizada a abordagem.

Na busca pessoal, nada de ilícito foi encontrado, mas, ao ser realizada busca no terreno, foi visualizado embaixo de um banco onde Talisson estava sentado na companhia de uma moça, uma carteira de cigarros contendo 12 buchas de cocaína. Durante a abordagem, Rafael apareceu e também foi abordado, sendo encontradas com ele duas pedras de crack, além de uma gilete.

Ao ser questionado de onde estava vindo, Rafael respondeu que havia deixado seu filho pequeno em sua residência e que retornava ao encontro de sua esposa, que estava com Talisson. Em seguida os policiais foram até a casa de Rafael e, da porta, verificaram que em cima da mesa da cozinha havia um tubo plástico transparente, contendo mais pedras de crack, que totalizaram 4,3 gramas.

Na sequência foi encontrada uma pequena caixa de isopor contendo diversos pinos utilizados para o acondicionamento de cocaína e encontrada uma folha de caderno com algumas anotações referentes ao comércio de entorpecentes, e, então, Rafael admitiu o envolvimento no crime.

Em seguida Talisson confirmou que estava vendendo as buchas de cocaína encontradas no início da abordagem. Os três suspeitos acabaram encaminhados à delegacia, mas a esposa de Rafael não ficou presa. A jovem, de 25 anos, foi liberada após ser enquadrada como testemunha. O filho do casal, de 10 meses, foi deixado com uma vizinha, enquanto a mãe era ouvida na delegacia.

VEJA TAMBÉM

GCM prende suspeito de assaltar caminhoneiro logo após o crime

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios