Ligue-se a nós

Paranaguá

Assistência Social visita tribo indígena na Ilha da Cotinga

VISITA FOI NA QUINTA-FEIRA

Publicado

no

Agora Litoral
Na tarde de quinta-feira (10), uma equipe da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) esteve na Ilha da Cotinga junto à população indígena da aldeia Tekoa Takuaty, da etnia Mbya Guarani, em atendimento tanto aos habitantes da localidade quanto às famílias recém-chegadas – cerca de 110 pessoas entre adultos e crianças.

Tribo tem mais de 100 pessoas

“Em decorrência da vulnerabilidade social encontrada no local, após terem sido devidamente cadastradas para fim de análise de inserção em programas sociais e serviços socioassistenciais, as famílias foram beneficiadas com cestas básicas”, informou a secretária municipal de Assistência Social, Gisele Cristina da Silva.
Na ocasião as servidoras Cristiele Neves e Ângela Marques deram suporte para que a assistente social Mélini Varella estabelecesse um diálogo ampliado com a liderança tradicional local, a cacica Juliana Kerexu Mirim Mariano e o vice-cacique Flávio Karai Timóteo para elaboração de estratégias para auxiliar as famílias locais na superação das dificuldades encontradas.
A cacica da tribo visitada ainda ocupa a vice-presidência do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Compir) que também tem prestado apoio em decorrência da chegada das novas famílias à tribo.

A tribo ainda conta com assessoria para assuntos jurídicos do Dr. Ivan Luiz Camargo dos Santos, representante da OAB no Compir.
“A Assistência Social, não contributiva para quem dela necessitar, independente de contexto cultural, cor, raça ou etnia, só é realmente universal e igualitária à medida que reconhece as particularidades dos diversos grupos e dos territórios em que atua. Por isso a Prefeitura de Paranaguá não tem medido esforços para ampliar continuamente seu campo de atendimento à população vulnerável do município nas suas mais diversas localidades”, ressaltou Gisele Cristina da Silva.

Da PMP

Deixe seu comentário!

Paranaguá

Caminhoneiros são assaltados em pátio de empresa na Vila Portuária

Foi na noite de terça-feira, na Avenida Bento Rocha.

Publicado

no

Por

Dois motoristas de caminhão foram assaltados, na noite de terça-feira (30/06), quando estavam com seus veículos parados no pátio de uma empresa na Avenida Bento Rocha, Vila Portuária, em Paranaguá. O crime foi praticado por dois indivíduos portando armas de fogo e foi registrado pela Polícia Militar.

Em suas declarações aos militares, as vítimas, de 38 e 39 anos, com endereço em Cambé e Apucarana, relataram estavam dentro de seus caminhões no pátio de estacionamento da empresa, quando dois indivíduos, ambos armados, fizeram a abordagem e roubaram celulares, dinheiro, cartão bancários, corrente, pulseira e aliança, fugindo em seguida, tomando rumo ignorado.

Os motoristas relataram que os bandidos eram magros e morenos e estavam usando máscaras, tipo lenço, com desenho de caveira. Eles contaram ainda que um dos assaltantes vestia uma calça camuflada. No local, ninguém soube passar informações que pudessem levar aos autores do assalto.

Continuar Lendo

Paranaguá

Mulher é presa com 226 pedras de crack e buchas de cocaína no Porto Seguro

Flagrante da ROMU ocorreu no final da tarde de domingo (28).

Publicado

no

Por

Agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) prenderam, no final da tarde de domingo (28), Samira Cândido, de 18 anos, acusada de tráfico de drogas no bairro Porto Seguro, na cidade de Paranaguá.

Na ação foram apreendidas porções de cocaína e crack, além de dinheiro.

Uma equipe da ROMU, que realizava patrulhamento pela localidade, por volta das 18 horas, desconfiou da maneira de agir da jovem quando ela avistou a viatura na Rua Júlio Bovo. Imediatamente os agentes resolveram fazer a abordagem e Samira tentou fugir para o interior de uma casa.

Os guardas civis foram atrás da moça e, depois de abordá-la, verificaram que havia drogas na casa.

Em cima de uma mesa foram encontradas duas buchas de cocaína, totalizando 13 gramas do entorpecente, além de 226 pedras de crack prontas para a comercialização. Também foram apreendidos R$ 55 e dois celulares.
Diante da situação, Samira acabou encaminhada para o plantão da Delegacia Cidadã, junto com tudo que foi apreendido, para a elaboração do flagrante.

REINCIDENTE
Não é a primeira vez que Samira Cândido é presa por tráfico de drogas.

Em 17 de março deste ano ela já havia sido presa também pela GCM com crack e maconha.

O Agora Litoral registrou:

Garota de 18 anos é presa pela GCM com crack e maconha no Porto Seguro

Continuar Lendo

Paranaguá

Rapaz é executado a tiros na São Vicente

Foi no domingo. Ele foi atingido no portão de casa.

Publicado

no

Por

Um rapaz foi executado a tiros na noite de domingo (28), na Vila São Vicente, em Paranaguá, no Litoral do Paraná.
Gabriel Tomaz Pinto (foto do facebook), de 24 anos, foi chamado no portão de sua casa, na Rua Odalício Freitas Cabral nº 550, e alvejado por três disparos de arma de fogo.

Imagens de câmeras de segurança mostram que os autores dos disparos seriam dois indivíduos, ambos com o rosto coberto, que estariam em dois veículos parados próximos ao local do crime – um que seria um Corsa Wind de cor branca e outro um Kia Soul prata.

Segundo testemunhas, Gabriel ainda teria tentado fugir dos assassinos correndo para o interior da residência, mas não resistiu aos ferimentos e caiu na porta da casa já sem vida.

Os autores da execução fugiram logo após, tomando rumo ignorado.
ARMAS E PASSAGENS
A equipe policial militar que atendeu a ocorrência encontrou no quarto de Gabriel uma arma de fogo e outra de brinquedo (simulacro).

Os PMs constataram ainda que a vítima possuía vários registros policiais – por tráfico de drogas, roubo e receptação de veículos, entre outros.

O assassinato de Gabriel Tomaz Pinto foi o 39º ocorrido em Paranaguá em 2020.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.