Ligue-se a nós

Paranaguá

Apatia da população faz Saúde ampliar ações contra a dengue

Somente 30% dos parnanguaras tomou a segunda dose da vacina

Publicado

no

Equipes volantes estão aplicando as doses em escolas, empresas e locais onde a circulação de pessoas é frequente

Paranaguá, PR
Agora Litoral

A Secretaria estadual da Saúde, por meio da 1ª Regional de Saúde, está intensificando a campanha de vacinação contra a dengue em Paranaguá. Além das salas de vacina nas unidades de saúde, equipes volantes aplicam as doses em escolas, empresas e locais onde a circulação de pessoas é frequente. Até esta sexta-feira (17), o município vacinou somente 30% do público-alvo da 2ª dose.

“Estamos buscando o apoio de diferentes instituições da cidade para que incentivem os cidadãos a se vacinarem contra a dengue e abram espaço para a campanha. O objetivo é reduzir a circulação viral e, indiretamente, proteger toda a população”, afirma a chefe do Centro Estadual de Epidemiologia, Júlia Cordellini.

Nos primeiros 15 dias da campanha, a aplicação das 20 mil doses de Paranaguá ocorreram em 25 grandes empresas da cidade, 25 colégios estaduais, sete supermercados, shopping, academia, terminal de ônibus, praças e no calçadão. Outra estratégia é vacinar a população nas residências com equipes que circulam por todos os bairros do município.

Posto itinerante foi montado no calçadão do centro de Paranaguá para incentivar vacinação

Paranaguá também conta com 17 pontos fixos de vacinação na Secretaria Municipal de Saúde e nas unidades de saúde Alexandra, Aline Marinho Zacharias, Argemiro de Félix, Colônia Maria Luiza, Colônia Pereira, Domingos Lopes do Rosário, Dr. Helvécio Chaves da Rocha, Dr. Simão Aisenman, Encantadas, Evanil Rodrigues, Guilhermina Mazzali Gaida, Luiz Carlos Gomes, Norberto Costa, Nova Brasília, Rodrigo Gomes e Sueli Dutra Alves.

“Estamos preocupados com a baixa adesão do público-alvo que pode ser vacinado contra a dengue. Vamos iniciar a vacinação inclusive no período noturno, com equipes itinerantes. Queremos cumprir a meta de vacinar 100% das pessoas que tomaram a primeira dose no ano passado e, ainda, aplicar a vacina nas que não tomaram em 2016”, destaca o secretário municipal de Saúde e Prevenção de Paranaguá, Paulo Henrique de Oliveira.

CASOS

O informe técnico divulgado pela Secretaria da Saúde na última terça-feira (14) confirma 566 casos de dengue no Paraná desde o início do período epidemiológico, em agosto de 2016. Em Paranaguá, são 35 casos confirmados até agora e nenhuma morte.

No mesmo período, em 2016, a cidade já havia confirmado 2.887 casos e 14 óbitos.

“O município enfrentou a pior epidemia de dengue de todos os tempos no Paraná. A população precisa lembrar todo o sofrimento causado pela doença e colaborar com as estratégias do Estado para não deixar a situação se repetir”, adverte a diretora da 1ª Regional de Saúde, Ilda Nagafuti.

PARANÁ

Até esta sexta (17), 105 mil paranaenses foram vacinados contra a dengue no Paraná, 72 mil deles correspondentes à segunda dose. A meta para a segunda fase é aplicar a segunda dose em 100% das pessoas que participaram da campanha em agosto e setembro de 2016 e, também, ampliar a cobertura da primeira dose.

 

Deixe seu comentário!

Paranaguá

Garotas são flagradas com buchas de maconha e cocaína em ponto de ônibus

PM chegou até as duas após denúncia pelo 190.

Publicado

no

Por

Duas adolescentes foram apreendidas pela Polícia Militar, na noite de quinta-feira (2), após uma denúncia de tráfico de entorpecentes em um ponto de ônibus na Rua Waldomiro Máximo da Silva, no bairro Porto Seguro, em Paranaguá.

Por volta das 21 horas, uma equipe da Polícia Militar foi acionada pela Central de Operações (Copom) informando sobre vários indivíduos que estavam em um ponto de ônibus, localizado próximo de um colégio, vendendo entorpecentes.

De imediato os militares foram ao local denunciado e encontraram aproximadamente 15 pessoas. Na busca pessoal, foram localizados, no bolso de uma jovem de 17 anos, 18,37g de maconha divididos em 10 buchas prontas para comercialização, e, ainda 0,83g de cocaína em quatro buchas.

Na ação, ainda foi abordada outra garota de 17 anos, que guardava em sua pochete dinheiro trocado, celular, 0,88g de maconha e uma bucha de cocaína.

Diante dos fatos, as duas menores acabaram apreendidas e foram conduzidas ao plantão da Delegacia Cidadã, junto com a responsável por uma das adolescentes. O Conselho Tutelar também foi acionado para acompanhar a situação.

Continuar Lendo

Paranaguá

Após denúncia de assalto, adolescente é apreendido com faca

Um segundo suspeito ainda tentou tirar a arma de um PM.

Publicado

no

Por

Uma denúncia sobre um assalto no Parque Agari, em Paranaguá, na tarde de quinta-feira (2), resultou na apreensão de um adolescente de 16 anos, que foi flagrado portando uma faca.

Na ação, ainda foi apreendida outra arma branca, que estava de posse de um segundo suspeito, que reagiu à abordagem dos policiais e conseguiu fugir.

Conforme a ocorrência, por volta das 16 horas, uma equipe de Rádio Patrulha Auto (RPA) estava em ronda pela Avenida Bento Munhoz da Rocha Neto, quando ouviu pelo rádio da viatura a comunicação transmitida pelo Centro de Operações da 1ª Companhia sobre uma situação de roubo em andamento.

A informação é que um transeunte estaria acompanhando dois indivíduos em duas bicicletas, que haviam acabado de efetuar um assalto a uma mulher na Rua Lima.

Os policiais conseguiram registrar as características dos autores e, imediatamente, deram início às buscas pela região. Instantes depois, nas proximidades de um posto de combustíveis, os militares avistaram dois suspeitos. Estes, ao receberem voz de abordagem, acabaram se separando, indo para direções opostas.

Na sequência, um dos suspeitos foi abordado e verificado que se tratava de um adolescente de 16 anos, que estava de posse de uma faca, com lâmina de aproximadamente 12 centímetros.

O segundo indivíduo foi alcançado em outra rua e reagiu, entrando em luta corporal com um dos policiais e tentando tomar sua arma.

O militar acabou efetuando três disparos em direção ao chão e o indivíduo então fugiu correndo, largando no local da abordagem uma faca com 20 centímetros de lâmina. Ainda foram feitas buscas pela região, mas ele não foi encontrado.

As duas facas e as bicicletas dos suspeitos acabaram apreendidas e encaminhadas para a Delegacia Cidadã, junto com o menor, para que fossem tomadas as providências necessárias. O Conselho Tutelar acompanhou a ocorrência na delegacia, junto com a mãe do adolescente apreendido.

A vítima do assalto não foi encontrada, sendo a testemunha da situação conduzida também para a unidade policial para ser ouvida.

Continuar Lendo

Paranaguá

Caminhão capota na BR-277 e motorista fica preso nas ferragens

Foi na noite de quarta-feira em frente à Martini Meat.

Publicado

no

Por

Um motorista de 45 anos ficou preso nas ferragens, depois que o caminhão que ele dirigia capotou no quilômetro 6 da BR-277 em Paranaguá, na noite de quarta-feira (1).

O caminhoneiro precisou de ajudar para sair do veículo e foi encaminhado pelas equipes de emergência ao Hospital Regional do Litoral.

O acidente ocorreu por volta das 22 horas, em frente à empresa Martini Meat, na pista sentido porto de Paranaguá, e movimentou equipes da Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, SAMU, Corpo de Bombeiros e concessionária Ecovia.
Devido ao capotamento, a carga do caminhão ficou espalhada na rodovia e os policiais tiveram que fazer controle do tráfego no local para evitar outros acidentes.

Ainda na manhã desta quinta-feira, o local do acidente estava interditado para a finalização da limpeza da pista.

Não se tem informações ainda sobre o estado de saúde do motorista.

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.