Ligue-se a nós

Paranaguá

Aglomeração em bar provoca apreensão de drogas e cigarros contrabandeados

Dono do estabelecimento, na Vila São Carlos, foi preso.

Publicado

no

A aglomeração em um bar na Vila São Carlos, em Paranaguá, culminou na apreensão, pela Guarda Civil Municipal, de drogas e cigarros contrabandeados. O dono do estabelecimento foi preso.

A ação da GCM ocorreu na noite de sábado, primeiro de agosto, na Rua São Pedro, e, a princípio, era para alertar sobre o descumprimento do decreto municipal de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

No local, várias pessoas estavam aglomeradas, sem o uso da máscara de proteção facial e consumindo bebida alcoólica. No momento em que iriam orientar o comerciante os guardas civis encontraram as drogas e o cigarro contrabandeado.
Edson Luís Gouveia, de 50 anos, acabou encaminhado à Delegacia Cidadã após os agentes encontrarem 58 gramas de cocaína num pote, em um vaso na parede externa ao bar, na área que dá acesso à casa da proprietária do imóvel.

Ao ser indagada sobre o entorpecente encontrado no espaço em que reside, a moradora, uma mulher de 58 anos, disse não saber do que se tratava e que o local era usado pelo dono do bar.

Durante a abordagem, com Edson ainda foi encontrada a quantia de R$ 92 em dinheiro miúdo e uma bucha de maconha, pesando 1,7 gramas, que ele afirmou ser para seu consumo.

Os guardas civis municipais ainda encontraram no comércio mais de 20 maços de cigarros do Paraguai.
PRISÃO – Em vista disso, o dono do bar acabou preso por envolvimento no tráfico de drogas, descaminho e por descumprir decreto. Edson Gouveia foi encaminhado ao plantão da Delegacia Cidadã, junto com tudo que foi apreendido, para a elaboração do flagrante.

A mulher também foi conduzida para a unidade policial, mas não ficou presa. Ela foi liberada após ser ouvida em Termo Circunstanciado (TC) que será encaminhado para audiência no Juizado Especial Criminal.

Deixe seu comentário!

Paranaguá

ROMU apreende mais de 1 kg de maconha e prende homem na Vila Cruzeiro

Ação da GCM foi na manhã desta sexta-feira (9/4)

Publicado

no

Por

Maconha apreendida pela ROMU

Um homem com passagem pela polícia foi preso, mais uma vez, na manhã desta sexta-feira (9/4), na cidade de Paranaguá. A ação foi realizada pela Guarda Civil Municipal, que apreendeu mais de um quilo de maconha na abordagem de Everton Paes Landin, de 29 anos.

Conforme a ocorrência, uma equipe da ROMU (Ronda Ostensiva Municipal), estava em patrulhamento pela Rua Mohamed Hermogenes Vidal, na Vila Cruzeiro, por volta das 11h, quando desconfiou da maneira de agir de Everton ao ver a viatura. Logo em seguida, ao perceber que seria abordado, o homem jogou um pacote plástico no chão e saiu correndo em direção a uma residência.

De imediato os agentes foram atrás dele e conseguiram abordá-lo no quintal do imóvel. Ao verificar o que tinha sido dispensado pelo homem, os guardas civis encontraram 47 gramas de maconha. Na sequência, Everton confessou que tinha mais drogas escondidas no banheiro da moradia.

Os agentes foram averiguar as informações e acabaram encontrando um tablete inteiro de maconha e outras porções, totalizando 1,5 kg do entorpecente.

Diante dos fatos, Everton acabou encaminhado ao plantão da Delegacia Cidadã, junto com tudo que foi apreendido, para que fossem tomadas as devidas providências.

Segundo o que foi apurado pela GCM, Everton Paes Landin já tinha sido preso por roubo agravado.

Continuar Lendo

Paranaguá

Pedreiro agride rapaz com facão durante discussão na Vila Garcia

Segundo a vítima, ele queria receber pelo serviço que não tinha terminado

Publicado

no

Por

Um rapaz de 24 anos foi agredido com golpes de facão, na noite de quarta-feira (7/4), no portão de sua casa, na Rua Edival Vidal Ribeiro Filho, Vila Garcia, em Paranaguá. Os golpes foram dados por um pedreiro, com quem a vítima teria discutido por causa de um serviço.

Por volta das 21h40, uma equipe da Polícia Militar foi ao local, onde a vítima relatou que estava entrando em sua casa quando o suspeito o abordou para conversar.

O rapaz disse que o homem, que é filho de um vizinho, teria prestado serviço de pedreiro em seu imóvel, mas não havia terminado o que foi combinado e que teria lhe procurado para cobrar pelo trabalho, resultando em uma discussão.

A vítima contou que, em seguida, o pedreiro saiu do local fazendo ameaças e foi até a residência do seu pai, que fica nas imediações. O rapaz contou que, então, guardou o seu veículo na garagem e, ao tentar fechar o portão, foi surpreendido pelo acusado, que havia retornado armado de um facão e o agrediu com vários golpes.

O rapaz acabou atingido na mão, ombro, pernas e cabeça, conseguiu reagir e entrou em luta corporal com o agressor, gritando por socorro, mas o pai do pedreiro ajudou ele a fugir.

Socorrido pelo SAMU, a vítima foi encaminhada ao Hospital Regional do Litoral para atendimento médico.

Os policiais realizaram patrulhamento pela região, mas não foi possível localizar o suspeito. O caso foi registrado em boletim de ocorrência como lesão corporal.

Continuar Lendo

Paranaguá

Procurado pela Justiça é atingido por três tiros na Ilha dos Valadares

Tentativa de homicídio ocorreu na noite de quarta-feira (7/4)

Publicado

no

Por

Um homem procurado pela Justiça por tráfico de drogas foi vítima de um atentado a tiros na noite de quarta-feira (7/4), na Ilha dos Valadares, em Paranaguá. Ele foi socorrido pelo SAMU e levado às pressas para o Hospital Regional do Litoral.

Cleverson Alves dos Santos, o “Binho”, de 35 anos, sofreu a tentativa de homicídio por volta das 21 horas, quando caminhava pela Rua 13, no bairro Sete de Setembro. O atirador seria um homem pilotando uma motocicleta.

Os tiros atingiram o ombro e a coxa direita e nos testículos de Binho, que, após receber alta do Hospital Regional, deverá ser encaminhado para a cadeia pública para o devido cumprimento do mandado de prisão.

VEJA TAMBÉM

ROTAM prende em Paranaguá rapaz com motocicleta roubada

Continuar Lendo
Anúncio
error: Cópia proibida.