Agora Litoral

O Instituto Médico Legal (IML) de Paranaguá identificou as quatro vítimas da chacina ocorrida no município de Matinhos na madrugada de segunda-feira (20). O brutal assassinato, ocorrido num casebre na Avenida Paranaguá, no balneário Flamingos, deixou atônitos os moradores da cidade.

Duas das vítimas foram reconhecidas por familiares – uma pela digital e outra pelos documentos que portava.

Cícero Alves Pereira, de 40 anos, morador de Matinhos, após ser reconhecido oficialmente por familiares, foi liberado pelo IML; Lincoln dos Santos, de 21, igualmente foi reconhecido por familiares e teve seu corpo liberado para sepultamento.

Donaldson de Almeida Jorge, de 46 anos, foi reconhecido pela digital. Ele seria natural de Curitiba, enquanto Claudinei Amaral, de 36, seria de São Paulo. Esses dois últimos ainda aguardam reconhecimento oficial por familiares para serem liberados pelo IML.

A brutal execução dos quatro homens teria ocorrido no início da madrugada da última segunda-feira. Vizinhos do local acreditam ter ouvido mais de 30 tiros.

NOTÍCIA RELACIONADA

Quatro são mortos a tiros num casebre em Matinhos

>> Deixe sua opinião