Organização criminosa distribuía droga sintética no Paraná e em Santa Catarina. Foto: Divulgação Polícia Civil

Paranaguá, PR
Agora Litoral

Uma quadrilha especializada em tráfico de drogas sintéticas foi presa nesta quinta-feira (8) durante a “Operação Love”, deflagrada pela Divisão de Narcóticos (Denarc) de Curitiba. Sete foram detidos e com eles apreendidos mais de R$ 1 milhão em drogas sintéticas. Os policiais encontraram 17 mil pontos de LSD e outros 6 mil comprimidos de ecstasy, além de cinco quilos de maconha.

A ação policial, que contou com 35 policiais civis da Denarc e outros 15 da Divisão de Investigações Criminais (DIC), além do apoio do Canil da Denarc, foi batizada como “Love” em razão das supostas propriedades estimulantes atribuídas às drogas sintéticas.

Quadrilha faturava alto com a venda de drogas sintéticas em festas eletrônicas. Foto: Jaelson Lucas/ANPr

ATUAÇÃO

A organização criminosa atuava principalmente nos estados do Paraná e Santa Catarina e vendia as drogas em festas eletrônicas – geralmente em Curitiba e em Balneário Camboriú (SC), segundo informações da polícia.

Os presos responderão pelos crimes de organização criminosa, associação para o tráfico, tráfico de drogas e alguns deles por lavagem de dinheiro. Se condenados, as penas somadas ultrapassam 30 anos.

“Operação Love” mobilizou mais de 50 policiais e desmantelou quadrilha de traficantes que atuava no PR e SC.

>> Deixe sua opinião