Foto: Reprodução / Facebook

Morretes, PR
Agora Litoral

O corpo de Raul Guilherme Glock Pereira, de 23 anos, foi encontrado por uma equipe do Corpo de Bombeiros na manhã desta segunda-feira (13) no rio Ipiranga, em Morretes.

Raul e um amigo estavam acampados no local, quando foram surpreendidos pelo fenômeno conhecido como “cabeça d’água’. As informações são da Ilha do Mel FM.

Com a repentina elevação do nível da água, eles foram arrastados pela correnteza.

O amigo do jovem, que não teve identificação revelada, conseguiu se salvar. Raul, por sua vez, não teve a mesma sorte e desapareceu. O corpo dele foi encontrado no local conhecido como Salto dos Macacos, distante alguns quilômetros de onde estava.

Essa é a segunda morte em decorrência do fenômeno no litoral do Paraná em 2017. Em janeiro, um homem morreu após ser arrastado pela correnteza no rio Nhundiaquara, também em Morretes.

Um helicóptero do BPMoa foi mobilizado para auxiliar no resgate. A vítima foi transportada até o Corpo de Bombeiros de Morretes, e em seguida recolhida ao Instituto Médico Legal (IML) de Paranaguá.

>> Deixe sua opinião