Richard, Lucas e Guilherme foram levados à DP

Agora Litoral
Três homens foram presos na tarde de segunda-feira, 20, acusados de assaltar dois motoristas de caminhão na Avenida Ayrton Senna, Bairro Industrial, em Paranaguá. A ação foi realizada pela Polícia Militar, a qual localizou os suspeitos em um carro alugado que foi usado para a prática criminosa.

Foram presos Richard Christofer Pereira, de 19 anos, morador na Vila dos Comerciários; Lucas Mateus Zatta e Silva, de 20, e Guilherme de Assis Bueno, 23 anos, ambos residentes no Parque São João. Encaminhados à 1.ª Subdivisão Policial de Paranaguá, ficaram recolhidos no setor de carceragem local à disposição da Justiça.

De acordo com o que foi apurado pela PM, tudo começou por volta das 14h45, quando os caminhoneiros, com endereço em Ibaiti, ligaram para o telefone de emergência 190 relatando que estavam próximo aos seus caminhões, aguardando para entrar em uma empresa na região, quando foram abordados por dois indivíduos, que anunciaram o roubo mostrando arma de fogo.

A dupla de criminosos roubou dois celulares e dinheiro das vítimas e, na fuga, foi vista entrando em um veículo Corsa sedan, que aguardava nas imediações ligado, com outro suspeito na direção. Os caminhoneiros anotaram a placa do carro e repassaram aos policiais militares, que realizaram patrulhamento pela região, mas não localizaram os autores.

No entanto, na sequência das diligências os militares verificaram que o Corsa pertencia a uma locadora de veículos e foi constatado que a pessoa responsável pelo aluguel era Guilherme, o qual já tinha passagem pela polícia e acabou identificado por fotos pelas vítimas, como sendo um dos autores do roubo.

Instantes depois, em patrulhamento pela região da Vila São Carlos, uma equipe policial encontrou o veículo utilizado no roubo estacionado na rua. Dentro do carro estava um dos suspeitos e os outros detidos do lado de fora, na companhia de outro rapaz, de 22 anos, o qual é cadeirante.

Na abordagem, foram encontrados com os suspeitos apenas a quantia de R$ 121,65, mas eles acabaram reconhecidos pelos dois caminhoneiros como sendo os autores do delito. Levados à delegacia, Richard, Lucas e Guilherme foram autuados por roubo agravado e o outro rapaz abordado foi ouvido em depoimento e liberado.

Segundo o que foi apurado pela polícia, todos os detidos já tinham antecedentes criminais.

>> Deixe sua opinião