Alexandre Luiz foi preso no final da noite desta quarta-feira

Agora Litoral
Já está atrás das grades o segundo envolvido na tentativa de latrocínio contra o adolescente Gabriel Bonsenhor, de 16 anos, ocorrida na noite de 28 de julho, em Paranaguá. A prisão dele aconteceu no final da noite desta quarta-feira (8).

Alexandre Luiz Cardoso de Miranda, de 20 anos, conhecido por “Xota”, foi abordado pela Guarda Civil Municipal na Avenida Roque Vernalha, região da Vila Cruzeiro, passados alguns minutos das 23 horas. Contra ele havia um Mandado de Prisão em aberto, expedido pela 1ª Vara Criminal de Paranaguá por roubo. Como o rapaz também estava sendo investigado pela equipe da Polícia Civil por outro crime, os GCMs chamaram os investigadores que formalizaram a prisão.

Morador na Ilha dos Valadares, Alexandre Luiz tem passagens na polícia por furto em supermercado e por consumo de drogas e é apontado como o autor da facada que atingiu o pescoço do jovem Gabriel Bonsenhor, na noite de 28 de Julho, próximo ao estádio do Rio Branco. Gabriel ficou vários dias na UTI do Hospital Regional em virtude do golpe sofrido e só recebeu alta na terça-feira (7).

Gabriel foi esfaqueado no pescoço após reagir ao assalto

O primeiro envolvido no homicídio tentado, Alisson João Gonçalves Carneiro, de 22 anos, foi preso na sexta-feira (3), após ser identificado por uma cidadã que presenciou o assalto que acabou vitimando o adolescente.

NOTÍCIA RELACIONADA

Preso autor de facada no pescoço que deixou jovem de Paranaguá na UTI

>> Deixe sua opinião