Agora Litoral
A Prefeitura de Paranaguá está comemorando os frutos das ações realizadas na área de Saúde. Os parnanguaras contam hoje com mais 40 médicos contratados e atuando nas Unidades Básicas de Saúde e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). São sete novos clínicos gerais e três pediatras atendendo na UPA, 24 horas por dia.

De acordo com a Prefeitura, de segunda a sexta-feira ainda há mais três médicos atendendo na Unidade Básica da Serraria do Rocha, três no Jardim Iguaçu e o número de médicos ainda se repete na UBS do Banguzinho e da Vila Guarani.

São mais dois médicos em cada unidade da Vila do Povo, Jardim Araçá e Santos Dumont. E nas unidades do centro, das Encantadas e em Nova Brasília, na Ilha do Mel, há um médico contratado nesta nova fase para atendimento à população. Também dois plantonistas atendem na Unidade Básica Rodrigo Gomes, na Ilha dos Valadares, que fica aberta 24h.

HORÁRIO ESTENDIDO
A Prefeitura de Paranaguá implantou, desde o ano passado, o horário estendido em alguns postos de saúde com atendimento das 18h às 23h. Para garantir este atendimento foram contratados, por processo licitatório, 10 médicos – ficando dois clínicos atendendo em cada unidade onde há horário estendido, como Serraria do Rocha, Jardim Iguaçu, Ilha dos Valadares, no Centro, na Vila Divinéia e na Vila Guarani. E outro médico ainda foi contratado para atender no posto de saúde de Encantadas, aos sábados.

QUADRO GERAL
A contratação desses novos profissionais soma-se ao trabalho realizado por médicos que já faziam parte do quadro. Os médicos cubanos atendem nas unidades da Serraria do Rocha, de Alexandra e da Vila Garcia.

Os demais reforçam os postos em outros bairros e estruturas de saúde como a UBS Branquinho, o Hospital João Paulo II, o Centro de Apoio Psicossocial (CAPs) e demais serviços de assistência à saúde.

Os 40 novos médicos somam-se ainda ao ginecologista que atende na unidade Saúde da Mulher e aos 33 médicos que atuam na atenção primária, ou seja, no programa Estratégia Saúde da Família.

São médicos que, juntamente, com técnicos em enfermagem, fazem visitas domiciliares a pessoas acamadas e sem condições de sair de casa para garantir atendimento e que ainda atuam nos postos de saúde.

SERIEDADE
Saúde é coisa séria e sempre um desafio para a administração de qualquer cidade. Em Paranaguá não é diferente. Depois de pegar prédios públicos totalmente destruídos, como foi o caso do antigo CME, a Prefeitura de Paranaguá começou um trabalho difícil de organizar a saúde pública.

A Administração Municipal está reformando as unidades de saúde, investiu na compra de novos veículos para atender as equipes do programa Estratégia Saúde da Família, implantou horários estendidos com unidades de saúde abertas das 18h às 23h, instituiu nova sala odontológica na Vila do Povo, sala de curativos na Vila Divinéia e está com novas três novas frentes de trabalho com postos sendo construídos em diferentes regiões da cidade.

NOTÍCIA RELACIONADA

Valadares, Porto Seguro e Leblon vão ganhar novas unidades de saúde

>> Deixe sua opinião