Agora Litoral
Pai e filho foram presos no final da noite desta segunda-feira (9) após informação que levou um policial do Denarc a descobrir uma carga de quase três toneladas de maconha. A ação ocorreu no bairro Alvorada, em São José dos Pinhais, e teve participação ativa da Guarda Civil Municipal, que apoiou o policial.

A informação de que Valdir de Paula Andrade e seu filho Geziel da Maia Andrade participavam de um grupo de armazenamento e transporte de maconha foi confirmada. Os dois foram presos em flagrante, após Jeziel ter sido seguido pelo policial dirigindo um caminhão que transportava na carroceria, em meio a caixas plásticas vazias, grande quantidade de maconha, que depois de pesada chegou a aproximadamente 2,3 toneladas.

Valdir e Geziel: pai e filho distribuíam maconha

A Guarda Municipal e o agente policial entraram na residência onde estava estacionado o caminhão e encontraram outros três homens e cerca de mais 400 quilos de maconha em uma sala, onde havia também balança, uma carabina com silenciador e uma luneta calibre 22. No local também foi encontrado um par de placas de automóveis.

Rodrigo Lima da Cruz, Marcio Lopes da Silva e João Carlos Kutacho Junior, que estavam no interior da residência, também foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil. Eles também seriam integrantes da quadrilha que trazia maconha de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul, que faz divisa com a cidade de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, para distribuir em Curitiba e região.

Rodrigo, Marcio e João Carlos também foram presos
Quinteto foi levado pra sede do Departamento de Narcóticos

>> Deixe sua opinião