Associação da vila Santa Maria receberá recicláveis da APPA

Acordo garantirá aumento na renda das famílias de catadores de lixo

Associação tem na separação, prensa e destinação dos recicláveis sua principal fonte de renda. Fotos: Ivan Bueno/APPA

Paranaguá, PR
Agora Litoral

A Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA) inicia na próxima semana o repasse de todos os resíduos sólidos recicláveis gerados internamente para a Associação de Catadores de Material Reciclável da Vila Santa Maria, em Paranaguá.

Além da coleta seletiva e da destinação correta do lixo produzido, o acordo de cooperação firmado com a entidade garantirá um incremento na renda das famílias que trabalham com a separação dos diversos tipos de materiais recicláveis.

A associação conta com 22 integrantes, 18 mulheres e quatro homens, que têm na separação, prensa e destinação dos materiais recicláveis a sua principal fonte de renda. “Os resíduos doados pela APPA darão mais volume para nós, o que aumenta a nossa renda e beneficia a comunidade como um todo”, afirma Sueli Regina Bruning, presidente da entidade.

A maioria deles mora na Vila Santa Maria, ao lado de onde ficava o lixão de Paranaguá. Lá, a associação levantou um barracão no qual recebe os resíduos, faz a separação dos materiais, prensa, pesa e destina para compradores da matéria-prima – tudo dentro dos parâmetros exigidos pela lei ambiental. Contando com a APPA, são mais de dez empresas parceiras que destinam seus materiais para a associação.

Acordo garantirá incremento na renda das famílias que trabalham com a separação de materiais recicláveis

EDUCAÇÃO AMBIENTAL

O acordo, no entanto, é mais abrangente do que isso. Trimestralmente, a equipe de Meio Ambiente da APPA promoverá diálogos com os associados sobre segurança no trabalho, educação ambiental e saúde e, quando a parceria completar seis meses, um curso de formação de Agente Ambiental será ministrado na comunidade.

“É um dever das empresas agir com responsabilidade ambiental. Preservar a Baía e a cidade de Paranaguá é o passo mais básico de todos para o desenvolvimento econômico e social da região. Já temos um programa de referência na área portuária de gestão de resíduos sólidos e esta parceria só reafirma a nossa atuação”, explica o diretor-presidente da APPA, Luiz Henrique Dividino.

Contando com a APPA, são mais de dez empresas parceiras que destinam seus materiais para a associação

>> Deixe sua opinião